A Paralisação Cobra seu Preço - Emprego

A Paralisação Cobra seu Preço - Emprego

Jason Vieira  | 26.03.2020 07:33

Após o leve estresse gerado no fim da sessão de ontem, que colecionou dois dias de fortes altas nas bolsas de valores internacionais, o Senado americano aprovou por unanimidade o pacote trilionário de ajuda ao combate às consequências do coronavírus COVID-19.

O pacote, que ainda passa por apreciação na Câmara dos Representantes, vem em um momento em que o shutdown já mostra sinais negativos na economia mundial e um importante pode vir hoje na forma dos pedidos semanais de auxílio desemprego nos EUA, o qual pode superar as já pesadas projeções no período.

Com a impossibilidade de atuação do comércio em larga escala e dos serviços, o desemprego começa a ganhar enormes proporções, como já demonstrado no Canadá, onde os pedidos de auxílio desemprego repetiram os números da Grande Depressão.

Na Irlanda, autoridades já mensuram uma elevação nas taxas de desemprego dos atuais para 18%, caso as restrições durem mais 12 semanas e o PIB pode sofrer uma contração de 7,1%.

Tais perspectivas se avolumam pelo mundo e o cenário fica a cada dia mais desafiador, onde a necessidade de um ponto de equilíbrio entre a contenção da doença e a retomada da atividade econômica devem ser alcançados o mais rápido possível.

Infelizmente, como já citamos aqui, a extrema politização do tema e o ponto de vista binário em relação a como se lidar com o shutdown cria excrecências como o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, dizer que o “mercado” quer o retorno das atividades para a bolsa voltar a subir.

Eis que o ridículo reducionismo atinge seu ápice por conta da disputa política arraigada desde o início desta crise.

Hoje as atenções se voltam ao Relatório Trimestral de Inflação (RTI) divulgado pelo Banco Central às 11:00, onde as projeções da autoridade monetária devem começar a contar com os eventos relacionados ao COVID-19 e dados “espelho” do IBC-Br de janeiro, que contava com uma reação concisa para o início de 2020.

O PIB americano, outro dado “espelho” chama a atenção, porém não faz especial diferença no atual momento, onde sequer é possível se gerar projeções criveis sobre o final de ano.

Porém, conforme citamos acima, os pedidos de auxílio desemprego podem surpreender as projeções inclusive mais pessimistas, em vista a dados regionais mais recentes.

Um mundo em plena convulsão.

ABERTURA DE MERCADOS
A abertura na Europa é negativa e os futuros NY abrem em baixa, na expectativa pelos dados de auxílio desemprego nos EUA.

Na Ásia, fechamento em queda, com realização de lucros e expectativa por dados dos EUA.

O dólar opera em queda contra a maioria das divisas centrais, enquanto os Treasuries operam negativos em todos os vencimentos.

Entre as commodities metálicas, quedas, exceção ao min. de ferro.

O petróleo abre em queda, com a queda na demanda global.

O índice VIX de volatilidade abre em alta de 1,92%.

CÂMBIO
Dólar à vista : R$ 5,0368 / -1,19 %
Euro / Dólar : US$ 1,09 / 0,515%
Dólar / Yen : ¥ 110,01 / -1,025%
Libra / Dólar : US$ 1,19 / -0,008%
Dólar Fut. (1 m) : 4995,58 / -1,82 %

JUROS FUTUROS (DI)
DI - Janeiro 22: 4,50 % aa (-0,12%)
DI - Janeiro 23: 5,89 % aa (-12,09%)
DI - Janeiro 25: 7,46 % aa (-10,44%)
DI - Janeiro 27: 8,26 % aa (-9,03%)

BOLSAS DE VALORES
FECHAMENTO
Ibovespa: 7,4951% / 74.956 pontos
Dow Jones: 2,3938% / 21.201 pontos
Nasdaq: -0,4524% / 7.384 pontos

Nikkei: -4,51% / 18.665 pontos
Hang Seng: -0,74% / 23.352 pontos
ASX 200: 2,31% / 5.113 pontos

ABERTURA
DAX: -2,286% / 9648,23 pontos
CAC 40: -1,796% / 4352,72 pontos
FTSE: -1,863% / 5582,25 pontos

Ibov. Fut.: 7,07% / 74840,00 pontos
S&P Fut.: -1,885% / 2426,80 pontos
Nasdaq Fut.: -1,279% / 7377,75 pontos

COMMODITIES
Índice Bloomberg: -0,67% / 63,56 ptos

Petróleo WTI: -2,53% / $24,00
Petróleo Brent: -2,88% / $26,93

Ouro: -0,50% / $1.613,87
Minério de Ferro: 0,35% / $88,77

Soja: -0,99% / $871,75
Milho: -1,00% / $344,50 $344,50
Café: -1,31% / $128,30
Açúcar: -0,26% / $11,40

Jason Vieira

Artigos Relacionados

Últimos comentários

Adicionar comentário
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Antonio Salviano
Antonio Salviano

Meu gancho! Tais perspectivas se avolumam pelo mundo e o cenário fica a cada dia mais desafiador, onde a necessidade de um ponto de equilíbrio entre a contenção da doença e a retomada da atividade econômica devem ser alcançados o mais rápido possível.   ... (Leia Mais)

26.03.2020 23:28 GMT· Responder
Maris VB
Maris VB

Obrigada pelo artigo e pela maneira clara com que o expõe. Destas forma, uma pessoa completamente leiga (como eu) e "apavorada com os rumos da economia, consegue entender melhor e tomar algumas decisões.  ... (Leia Mais)

26.03.2020 21:04 GMT· Responder
Patricia Motti Beiram
Patricia Motti Beiram

👍👍👍  ... (Leia Mais)

26.03.2020 11:55 GMT· Responder
Tiago Guedes
Tiago Guedes

Temos agravantes, crise na saude, na política e se nao fizerem, voltaremos a estaca zero com.crise econômica.   ... (Leia Mais)

26.03.2020 11:26 GMT· Responder
Luís Mansur
Luís Mansur

Alguém avisa ao Nhonho que investidor só perde grana quando as empresas que tem na carteira vão mal das pernas. E que o pacote do Bozo é para salvar empregos e não somente pessoas. A crise de abastecimento vai fazer faltar comida, e se alguém achar comida, vai faltar dinheiro. Que estupidez deste Botafogo.  ... (Leia Mais)

26.03.2020 11:09 GMT· Responder
Janiélson Carvalho
Janiélson Carvalho

Análise bem enxuta, mas excelente. Resumiu em poucas frases o momento atual. Infelizmente a maioria dos políticos e, por que não, de militantes, querem mais o pior e não caíram na real do que estar por vir.  ... (Leia Mais)

26.03.2020 11:07 GMT· Responder
Antony Cheyne
Antony Cheyne

Aperte O cinto e se prepare para o dia fervorozo  ... (Leia Mais)

26.03.2020 10:57 GMT· Responder
Antonio Salviano
Antonio Salviano

Bom dia Jenson Vieira. Bom dia mercado   ... (Leia Mais)

26.03.2020 10:47 GMT· Responder
Franco Morales
Franco Morales

thanks Kathy... thank so much  ... (Leia Mais)

24.06.2019 20:54 GMT· Responder
Discussão
Escrever uma resposta...
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.

Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos neste site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas neste site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos neste site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.

English (USA) English (UK) English (India) English (Canada) English (Australia) English (South Africa) English (Philippines) English (Nigeria) Deutsch Español (España) Español (México) Français Italiano Nederlands Português (Portugal) Polski Русский Türkçe ‏العربية‏ Ελληνικά Svenska Suomi עברית 日本語 한국어 中文 香港 Bahasa Indonesia Bahasa Melayu ไทย Tiếng Việt हिंदी
Sair
Tem certeza de que deseja sair?
NãoSim
CancelarSim
Salvando Alterações

+

Baixe o App

Mais informações sobre o mercado, mais alertas, mais opções de personalizar seus ativos em sua carteira, apenas pelo App

Baixe o App

Mais informações sobre o mercado, mais alertas, mais opções de personalizar seus ativos em sua carteira, apenas pelo App