China Avança com Ligação entre Mercados de Hong Kong e Shanghai

China Avança com Ligação entre Mercados de Hong Kong e Shanghai

Haramoto  | 10.11.2014 07:56

ÁSIA: Dados econômicos chineses mistos pesaram sobre o sentimento regional. A inflação ao consumidor manteve-se perto da baixa de cinco anos em outubro, aliviando preocupações dos riscos de deflação para a segunda maior economia do mundo, mas o setor de atacado permaneceu entrincheirado em uma espiral deflacionária, com o índice de preços ao produtor caindo 2,2% frente ao ano passado, pior do que o esperado. No fim de semana, os dados mostraram que as exportações chinesas aumentaram 11,6% em outubro, acima das previsões, mas desacelerando frente aos 15,3% de setembro. As importações tiveram um aumento de 4,6% anual, abaixo da alta de 7% em setembro.

Uma sessão sem inspiração em Wall Street na sexta-feira também limitou os ganhos, após dados de emprego abaixo do previsto.

O sentimento nos mercados chineses também foi impulsionado pela notícia de que a ligação entre os mercados entre Shanghai e Hong Kong finalmente será lançada em 17 de novembro, acabando com a incerteza sobre o início do programa que dará aos investidores individuais estrangeiros um acesso sem precedentes ao chamado mercado A-share da China. O Shanghai Composite subiu 2,27%, para níveis de fechamento de novembro de 2011. Financeiras estavam entre os maiores ganhadores; enquanto em Hong Kong, o Hang Seng subiu 0,83%. Hong Kong Exchanges & Clearing, a segunda maior bolsa do mundo em valor de mercado, subiu 4,6%, seu avanço mais acentuado desde abril, quando o programa de interligação foi anunciado. 

No Japão, o Nikkei caiu 0,59%, para uma baixa de uma semana, devido a um iene mais forte, sendo negocido a 114 por dólar, recuando de 115,6, mínima de sete anos, após relatos de que o primeiro-ministro Abe está considerando antecipar a eleição, se ele atrasar um segundo aumento de impostos de vendas.

Referencial da Austrália S&P/ASX 200 caiu 0,45%, após bater um novo recorde de dois meses em 5550 pontos, pesado por perdas em todos os quatro grandes bancos, apesar de dados oficiais mostrarem que os empréstimos para investimentos imobiliários subiram em setembro. O urânio estava em foco e o metal saltou 5% no fim de semana com as notícias de que o Japão reabrirá duas usinas nucleares, após desastre de Fukushima; Paladin subiu mais de 12%. A gigante BHP Billiton subiu 0,6%, para 34,68 dólares, enquanto Rio Tinto avançou 0,9%, para 61,24 dólares, apesar do minério de ferro ser negociado em baixas plurianuais nos mercados de commodities. Maior produtora de ouro da Austrália, Newcrest Mining, subiu 5,5%, para 9,27 dólares, após atualização para "comprar", devido produção trimestral mais forte do que o esperado pelo Citigroup.

Espera-se para esta semana, o encontro de 21 líderes mundiais, incluindo o presidente dos EUA, Barack Obama, no encontro da Cooperação Econômica Ásia Pacífico (APEC) em Pequim. Tópicos importantes serão discutidos sobre a integração econômica e perspectivas de crescimento econômico, mas o Representante Comercial dos EUA, Michael Froman, verteu água fria nas expectativas de um acordo comercial trans-Pacífico, dizendo no domingo que não haverá "nenhum grande anúncio" na reunião da APEC.

EUROPA: As principais bolsas europeias abriram em alta, apoiadas nas expectativas de que o Banco Central Europeu está preparando novos estímulos em prol da recuperação regional e oscilam entre pequenas altas e baixas.

Entre as notícias, pouco mais de 80% dos catalães no nordeste da Espanha votaram no domingo pela independência do resto do país, em uma votação simbólica, não vinculativa. Rendimentos de títulos espanhóis subiram ligeiramente na sexta-feira, devido preocupações com a eleição, que embora juridicamente sem validade, poderia provocar tensões entre Madrid e uma das regiões mais ricas da Espanha.

Irã, Estados Unidos e a União Europeia realizam o segundo dia de negociações sobre divergências que bloqueiam a resolução de uma disputa sobre o programa nuclear de Teerã, de acordo com um relatório de Reuters.

O FTSEurofirst 300 sobe 0,14% nos primeiros negócios. As ações da cervejaria Carlsberg sobem mais de 3% na abertura do pregão depois que o grupo registrou um lucro no terceiro trimestre e manteve sua perspectiva.

FTSE 100 do Reino Unido avança pelo quarto dia consecutivo nesta segunda-feira, com as minedoras ajudando o benchmark, seguindo a alta da maioria dos metais, em particular os metais preciosos. Os eleitores suíços vão às urnas para decidir, essencialmente, se o Banco Nacional da Suíça teria que manter pelo menos 20% de seus ativos em metais preciosos. Um voto "sim" significaria que o banco teria que acumular muito mais ouro, o que poderia levar a um aumento "acentuado" do preço do metal. Randgold Resources sobe 1,79% e Fresnillo avança 2,04%. Entre as grandes empresas, Anglo American sobe 1.91%, Glencore sobe 1.18%, Rio Tinto avança 1,43% e BHP Billiton adiciona 1,64%.

Empresas de energia avançam com a valorização do petróleo. BG Group sobe 0,48% e Royal Dutch Shell avança 0,76%.

AGENDA ECONÔMICA: 
EUA: Não está prevista a divulgação de indicadores econômicos.

ÍNDICES MUNDIAIS (7h50):

ÁSIA
Nikkei: -0,59%
Austrália: -0,45%
Hong Kong: +0,83%
Shanghai Composite: +2,27%

EUROPA
Frankfurt - Dax: +0,06%
London - FTSE: +0,20%
Paris CAC +0,17%
IBEX 35: +0,03%
FTSE MIB: -0,39%

COMMODITIES
BRENT: +1,97%
WTI: +1,40%
OURO: -0,36%
COBRE: +0,21%
NIQUEL: -1,01%
SOJA: +0,79%
ALGODÃO: -2,36%

ÍNDICES FUTUROS
Dow: +0,04%
SP500: -0,02%
NASDAQ: +0,08%

RESULTADOS CORPORATIVOS:
EUA: 3D Systems, AGL Resources, Dean Foods, Eagle Pharma , EV Energy, Quicksilver Resrcs, Sotheby's, Sterling Construction, Sunesis Pharma, Transocean, WhiteWave Foods, Athersys, Cellular Dynamics, CUI Global, Demand Media, Douglas Emmett, DTS

BRASIL: Positivo Informática, Rodobens, Tereos , Valid

Observação: Este material é um trabalho voluntário e gratuíto, resultado da compilação de dados divulgados em diversos sites da internet que são aqui resumidos de maneira didática para facilitar e agilizar a compreensão do leitor. Atenção para o horário da disponibilização dos dados desse relatório.

Haramoto

Últimos comentários

Adicionar comentário
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Discussão
Escrever uma resposta...
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.

Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos neste site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas neste site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos neste site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.

English (USA) English (UK) English (India) English (Canada) English (Australia) English (South Africa) English (Philippines) English (Nigeria) Deutsch Español (España) Español (México) Français Italiano Nederlands Português (Portugal) Polski Русский Türkçe ‏العربية‏ Ελληνικά Svenska Suomi עברית 日本語 한국어 简体中文 繁體中文 Bahasa Indonesia Bahasa Melayu ไทย Tiếng Việt हिंदी
Sair
Tem certeza de que deseja sair?
NãoSim
CancelarSim
Salvando Alterações

+

Baixe o aplicativo do Investing.com

Receba gratuitamente cotações, gráficos e alertas em tempo real sobre ações, índices, moedas, commodities e títulos. Acesse gratuitamente as melhores análises e previsões técnicas.

Investing.com é melhor no App!

Mais conteúdo, cotações e gráficos mais rápidos e uma experiência melhor estão disponíveis apenas no aplicativo.