Dow Jones Crava a Nona Sequência de Recordes e Bolsas Avançam.

Dow Jones Crava a Nona Sequência de Recordes e Bolsas Avançam.

Haramoto  | 14.03.2013 07:31

ÁSIA:

As bolsas na Ásia fecharam sem direção definida nesta quinta-feira, após Dow Jones selar sua nona sessão de ganhos e após o indicador de vendas de varejo mais forte do que o esperado em fevereiro.

Dados americanos otimistas ajudaram o dólar dos EUA a voltar acima de ¥96, ajudando muitos grandes exportadores japoneses. Nikkei do Japão terminou com ganhos de 1,2%, após recuar 0,9% nos últimos dois pregões. Nikon subiu 4,2%, Advantest fechou 3,7% superior e Toshiba subiu 1,9%.

O setor imobiliário teve ganhos fortes. Mitsui Fudosan subiu 5,3% e Sumitomo Realty & Development avançou 3,8%. O setor imobiliário está entre aqueles que se beneficiará caso o Japão consiga conter a deflação, que tem atormentado a sua economia e as esperanças tiveram um impulso extra depois que a Câmara Baixa do Parlamento do Japão aprovou a escolha de Haruhiko Kuroda para a presidência do Banco do Japão (BoJ), assim como as de Kikuo Iwata e Hiroshi Nakaso para a vice-presidência da instituição.

Com sólida maioria na Casa, o governo não teve problemas na votação e agora os indicados terão de passar pela aprovação na Câmara Alta em votação marcada para amanhã. Apesar da Casa ser controlada pela oposição, a mesma já manifestou pela aprovação a Kuroda e Nakaso, porém tecnicamente, não significa que a indicação de Kuroda está definida, devido à detalhes técnicos envolvidos no processo de nomeação.

Na China, Hang Seng de Hong Kong e o índice Xangai Composite fecharam em alta de 0.28% cada, depois de passar todo o pregão no vermelho. Setor imobiliário foi destaque de queda. As perdas vieram após o jornal estatal China Securities publicar que a cidade de Pequim poderá lançar impostos para revendas de casa, entre outras restrições. Henderson Land Development caiu 3,3%, New World Development recuou 0,9% e Sun Hung Kai Properties perdeu 2,7%. Também pesou sobre o setor a notícia de que os credores HSBC e Standard Chartered alterarão suas taxas de empréstimos hipotecários em Hong Kong. Ações do HSBC ganharam 0,4% em Hong Kong, enquanto as da Standard Chartered foram negociadas 0,6% menor.

Deutsche Bank disse que após as mudanças do HSBC, as taxas das hipotecas em Hong Kong poderão subir, mesmo na ausência de aumentos nas taxas de juros nos Estados Unidos. As taxas de Hong Kong geralmente seguem às dos EUA, pois o dólar de Hong Kong está indexada à moeda dos EUA.

Analistas projetam uma queda na casa de 15 a 20% nos preços domésticos nos próximos 24 meses. Na China continental, o setor imobiliário também teve perdas. China Vanke caiu 1,9% em Shenzhen e Poly Real Estate recuou 0,36 % em Xangai. China Mobile ganhou modestos 0,24%, depois de postar um aumento de 2,7% no lucro em 2012.

No resto da região, S&P/ASX 200 da Austrália terminou 1,2% menor, Kospi da Coreia do Sul fechou 0,12% maior e TAIEX de Taiwan recuou 0,6%.

Investidores australianos receberam bem os resultados do primeiro semestre da varejista Myer Holdings, cujas ações subiram 5,9%. O índice de referência Sydney ficou brevemente positivo após dados de emprego australianos surpreenderem positivamente, mas as perdas para as mineradoras arrastaram de volta para território negativo. Rio Tinto e BHP Billiton recuaram 2,3% cada, enquanto Fortescue Metals caiu 6,2%.

EUROPA:

As bolsas europeias avançam inspiradas na sequência vencedora de Wall Street e com bancos liderando a alta, com os olhos voltados para a divulgação dos dados do pedido de desemprego e números do atacado e da inflação dos EUA.

O Stoxx Europe Index 600 avança 0,5%, para 296,83, atingindo seu nível mais alto desde junho de 2008. Investidores italianos comemoram os resultados da Assicurazioni Generali, que sobe 5,8%, ajudando o FTSE MIB da Itália. A seguradora informou que o lucro líquido para o ano caiu cerca de 89%, onde grande parte do prejuízo refere-se ao quarto trimestre. O lucro líquido em 2012 foi de 90 milhões de euros (116,6 milhões dólares americanos), ante o lucro líquido de EUR 856 milhões em 2011. Divulgou ainda que os resultados operacionais em serviços financeiros cresceram 21,7%, ajudado pelo bom desempenho do Banca Generali e que o conselho propôs dividendo de 2,012 EUR 0.20 por ação, o mesmo do ano anterior.

Na Alemanha, DAX 30 avança. As ações da Heidelberg Cement sobem 3,3% após a companhia anunciar que espera receita e lucro operacional maior neste ano, impulsionado pela demanda na Ásia, África e EUA.

Na França, BNP Paribas sobe 1,4%, sustentando o índice CAC 40 e no Reino Unido, a seguradora Prudential sobe mais de 4%, aumentando os ganhos do dia anterior, enquanto o peso-pesado HSBC avança 0,9%.

As mineradoras estavam entre os destaques de queda no FTSE. Rio Tinto e Vedanta Resources recuam 1,9% cada e Evraz cai 1,3%. O FTSE 100 opera em alta.

AGENDA DE HOJE:

EUA:
09h30 - Producer Price Index (PPI) de Fevereiro (é o mais importante indicador de inflação dos Estados Unidos);
09h30 - Initial Jobless Claims (mede a quantidade de pedidos de auxílio-desemprego nos Estados Unidos).

AGENDA DA PRÓXIMA SESSÃO

EUROPA: Consumer Price Index (CPI) de Fevereiro (indicador mensal da inflação ao consumidor europeu); Employment Change do 4° trimestre (número de pessoas empregadas na Zona do Euro).
ALEMANHA: Não está prevista a divulgação de indicadores econômicos.
REINO UNIDO: Não está prevista a divulgação de indicadores econômicos.
EUA: 09h30 - Consumer Price Index (CPI) de Fevereiro (indicador mensal da inflação ao consumidor dos Estados Unidos); 09h30 - NY Empire State Manufacturing Index de Março (mede a atividade manufatureira no estado de Nova York); 10h00 - Net Long-Term TIC Flows de Janeiro (entradas e saídas de recursos financeiros nos Estados Unidos); 10h15 - Industrial Production (mostra a produção de fábricas dos Estados Unidos) e Capacity Utilization (capacidade utilizada pela indústria americana), ambas de Fevereiro; 10h55 - Michigan Sentiment de Março (mede o sentimento do consumidor).

ÍNDICES MUNDIAIS (7h10):

ÁSIA
Austrália: -1,18%
Nikkei: +1,16%
Hang Seng: +0,28%
Xangai Composite: +0,28%

EUROPA
London - FTSE: +0,25%
Paris Cac 40: +0,57%
Frankfurt - Dax: +0,71%
Madrid IBEX: +0,92%
Milão MIB 40: +1,12%

COMMODITIES
BRENT: +0,06%
WTI: +0,29%
OURO: -0,08%
COBRE: +0,15%
NÍQUEL: +0,52%
SOJA FUTURO: -0,54%
ALGODÃO FUTURO: +0,49%

INDICES FUTUROS
Dow: +0,14%
SP500: +0,16%
NASDAQ: +0,18%

BALANÇOS CORPORATIVOS:

BRASIL: Ecorodovias, Kepler Weber, MRV Engenharia, Positivo Informática, Vanguarda Agro.

Observação: Este material é um trabalho voluntário e gratuíto, resultado da compilação de dados divulgados em diversos sites da internet que são aqui resumidos de maneira didática para facilitar e agilizar a compreensão do leitor. Atenção para o horário da disponibilização dos dados desse relatório.

Haramoto

Últimos comentários

Adicionar comentário
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Discussão
Escrever uma resposta...
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.

Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos neste site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas neste site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos neste site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.

English (USA) English (UK) English (India) English (Canada) English (Australia) English (South Africa) English (Philippines) English (Nigeria) Deutsch Español (España) Español (México) Français Italiano Nederlands Português (Portugal) Polski Русский Türkçe ‏العربية‏ Ελληνικά Svenska Suomi עברית 日本語 한국어 简体中文 繁體中文 Bahasa Indonesia Bahasa Melayu ไทย Tiếng Việt हिंदी
Sair
Tem certeza de que deseja sair?
NãoSim
CancelarSim
Salvando Alterações

+

Baixe o aplicativo do Investing.com

Receba gratuitamente cotações, gráficos e alertas em tempo real sobre ações, índices, moedas, commodities e títulos. Acesse gratuitamente as melhores análises e previsões técnicas.

Investing.com é melhor no App!

Mais conteúdo, cotações e gráficos mais rápidos e uma experiência melhor estão disponíveis apenas no aplicativo.