Foco na Extensão da Crise!

Foco na Extensão da Crise!

Eduardo Cavalheiro  | 25.03.2020 11:05

Por Eduardo Cavalheiro, gestor da Rio Verde Investimentos

O tema central da última semana continuou sendo o Coronavírus e ao que tudo indica o cenário deve permanecer assim nos próximos dias. A evolução da pandemia na Europa praticamente obrigou o Brasil a adotar medidas de restrição mais rígidas. O governo também decretou estado de calamidade pública para fazer frente aos gastos sociais que a situação exige.

Tudo isso contribui para a melhoria das condições de enfrentamento ao vírus, mas destrói a situação fiscal dos governos (federal, estados e municípios), empresas em diferentes graus e famílias. Uma tragédia que ainda não dá para mensurar!

Os mercados globais começaram a refletir mais esta etapa da crise e o índice Ibovespa chegou a acumular queda de cerca de 60% (em dólar) até o dia 18 de março. Vamos guardar esta data e este percentual.

O componente emocional das decisões continua forte. Muitos movimentos obrigatórios de zeragem de prejuízos continuaram ocorrendo, o que gera uma distorção de preços das ações muito grande. No dia 19 de março iniciou-se uma tímida tentativa de recuperação dos preços dos ativos baseada na identificação de possíveis tratamentos médicos que ajudam a reduzir o prazo de vigência deste “shutdown”. É uma esperança que pode abreviar a crise no Brasil e no mundo, favorecendo a volta à normalidade da atividade econômica e do dia a dia das pessoas.

Contudo, uma vez que todos estes fatos se sucederam, agora é hora de focar na extensão da crise. Quanto menor for este prazo, menores serão os efeitos para a economia real e para as famílias.

Do ponto de vista do mercado acionário, não acredito que agora, neste nível de preços, seja uma boa hora para se defender. É preciso se posicionar e esperar pela recuperação que cedo ou tarde virá! As oportunidades são enormes! Existe um claro descasamento entre preço e valor em muitas empresas. Assim como na alta, na baixa também não podemos nos deixar levar pelo desempenho de curto prazo das companhias. O que deve ser avaliado neste momento é a capacidade do modelo de negócios de se manter no longo prazo, após o período de crise.

Além disso, também é importante verificar quais negócios estão menos expostos e com situações patrimoniais mais confortáveis capazes de suportar a crise em um período mais longo. É preciso ser conservador na escolha das ações e atrelar a seleção a um potencial de valorização expressivo quando a recuperação ocorrer.

Enquanto isso, vamos permanecer em nossas casas e nos prevenir. Ainda não sabemos quando, mas em algum momento esta crise vai acabar. É preciso ter paciência e calma!  

Bons negócios!

Eduardo Cavalheiro

Artigos Relacionados

Últimos comentários

Adicionar comentário
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Pedro Hurwicz
Pedro Hurwicz

Como explicar esses 2 dias de alta com a piora da crise???  ... (Leia Mais)

25.03.2020 17:46 GMT· 1 · Responder
Fernando Borelli
Fernando Borelli

Aqui em Lisboa, Start Up desenvolveu App para acompanhamento. Empresas e governos trabalham para produção em alta escala.  ... (Leia Mais)

25.03.2020 16:15 GMT· Responder
Fernando Borelli
Fernando Borelli

Insisto, testar, testar e testar com testes rápidos. A identificar infetados, quarentena, tratamento e cuidados de segurança, higiene e convívio. Não infetados podem trabalhar.   ... (Leia Mais)

25.03.2020 16:15 GMT· 1 · Responder
Discussão
Escrever uma resposta...
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.

Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos neste site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas neste site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos neste site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.

English (USA) English (UK) English (India) English (Canada) English (Australia) English (South Africa) English (Philippines) English (Nigeria) Deutsch Español (España) Español (México) Français Italiano Nederlands Português (Portugal) Polski Русский Türkçe ‏العربية‏ Ελληνικά Svenska Suomi עברית 日本語 한국어 中文 香港 Bahasa Indonesia Bahasa Melayu ไทย Tiếng Việt हिंदी
Sair
Tem certeza de que deseja sair?
NãoSim
CancelarSim
Salvando Alterações

+

Baixe o App

Mais informações sobre o mercado, mais alertas, mais opções de personalizar seus ativos em sua carteira, apenas pelo App

Baixe o App

Mais informações sobre o mercado, mais alertas, mais opções de personalizar seus ativos em sua carteira, apenas pelo App