Com presença de 24 grupos, leilões de saneamento pós-novo marco mostram sucesso

Com presença de 24 grupos, leilões de saneamento pós-novo marco mostram sucesso

Estadão Conteúdo  | 23.10.2020 15:41

Com presença de 24 grupos, leilões de saneamento pós-novo marco mostram sucesso

A primeira leva de leilões de saneamento após a aprovação do novo marco legal tem se mostrado bem-sucedida, indicando a disposição da iniciativa privada em investir no setor. A avaliação é da Confederação Nacional da Indústria (CNI), que celebrou em nota o resultado dos três primeiros certames realizados desde a sanção da lei. O último ocorreu nesta sexta-feira (23), no qual a Aegea levou a melhor ao oferecer um desconto de 38,46% na tarifa máxima prevista, numa PPP para operação dos serviços de esgoto em 68 municípios de Mato Grosso do Sul.

Segundo a CNI, no total, 24 grupos participaram das três licitações realizadas até agora. A primeira envolveu a concessão dos serviços de água e esgoto da região metropolitana de Maceió (AL), em que a empresa BRK Ambiental venceu a concorrência com um valor de outorga de R$ 2 bilhões - um ágio de 12.800%. Além do leilão desta sexta, a Aegea também saiu vencedora no certame realizado na última terça-feira (20) dos serviços de água e esgoto nos municípios de Cariacica e Viana, no Espírito Santo, com deságio de 38,12% em relação à tarifa máxima prevista.

"Na avaliação da CNI, os três leilões foram bem-sucedidos e mostram um caminho a ser perseguido. Houve competição limpa e disputada, com participação de 24 grupos privados e públicos, incluindo novos entrantes de outros setores de infraestrutura, que vêm se aproximando desse mercado de saneamento", afirmou a entidade em nota.

O presidente da CNI, Robson Braga de Andrade, destacou que o novo marco legal trouxe segurança jurídica para os investimentos e estabeleceu regras que privilegiam a eficiência na gestão dos serviços de água e esgoto. "Esse é o caminho para a universalização do saneamento básico. A concorrência é fundamental para aumentar a eficiência e atrair recursos financeiros para o setor", disse.

Andrade ressaltou, por sua vez, que "alguns passos" ainda são fundamentais para a viabilidade do novo marco legal, como a manutenção pelo Congresso dos vetos do presidente Jair Bolsonaro - que barrou a possibilidade de as estatais renovarem seus contratos por mais 30 anos -, e uma maior agilidade na regulamentação da lei. Como mostrou o Broadcast, um dos decretos mais esperados pelo setor, que irá definir os critérios de capacidade econômico-financeira das empresas, está atrasado.

"A CNI considera que o BNDES tem desempenhado papel importante na modelagem dos leilões no setor de saneamento e nos investimentos do setor e vê com otimismo o trabalho feito pelo banco para viabilizar os editais. Os próximos leilões estão previstos para ocorrer nos estados do Rio de Janeiro, Acre e Amapá", conclui a entidade.

Relacionadas

Últimos comentários

Adicionar comentário
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Discussão
Escrever uma resposta...
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.

Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos neste site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas neste site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos neste site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.

English (USA) English (UK) English (India) English (Canada) English (Australia) English (South Africa) English (Philippines) English (Nigeria) Deutsch Español (España) Español (México) Français Italiano Nederlands Português (Portugal) Polski Русский Türkçe ‏العربية‏ Ελληνικά Svenska Suomi עברית 日本語 한국어 简体中文 繁體中文 Bahasa Indonesia Bahasa Melayu ไทย Tiếng Việt हिंदी
Sair
Tem certeza de que deseja sair?
NãoSim
CancelarSim
Salvando Alterações

+

Baixe o aplicativo do Investing.com

Receba gratuitamente cotações, gráficos e alertas em tempo real sobre ações, índices, moedas, commodities e títulos. Acesse gratuitamente as melhores análises e previsões técnicas.

Investing.com é melhor no App!

Mais conteúdo, cotações e gráficos mais rápidos e uma experiência melhor estão disponíveis apenas no aplicativo.

';