ABERTURA: Ibov futuro abre em baixa com aversão ao risco no exterior; dólar cai

ABERTURA: Ibov futuro abre em baixa com aversão ao risco no exterior; dólar cai

Investing.com  | 10.02.2020 09:17

ABERTURA: Ibovespa futuro inicia quase estável em semana de novos balanços

Por Gabriel Codas

Investing.com - A jornada desta segunda-feira começa em baixa para o índiceIbovespa Futuros, com queda de 0,31% aos 113.500 pontos às 09h16, com o dólar cedendo 0,17% a R$ 4,3130. A semana será marcada por uma nova etapa da temporada de balanços local, com destaque para os números do Itaú (SA:ITUB4) e do Banco do Brasil (SA:BBAS3), além de importantes dados da agenda econômica local e estrangeira. As preocupações com os impactos do coronavírus na economia global seguem no radar dos investidores.

- Cenário Interno

Coronavírus

Os 34 brasileiros e familiares que estavam em Wuhan, cidade chinesa que é o epicentro de um surto de coronavírus, chegaram no início da manhã deste domingo na base aérea de Anápolis, em Goiás, onde iniciarão um período de 18 dias de quarentena.

De acordo com informações do Ministério da Defesa, os 34 passageiros estão em bom estado de saúde e nenhum deles apresenta qualquer sintoma de infecção pelo novo coronavírus, que já matou 811 pessoas na China, superando o número de mortes provocado pelo surto da Síndrome Respiratória Aguda Grave (Sars) entre 2002 e 2003.

Segundo dados do Ministério da Saúde divulgados na sexta-feira, o país não tem nenhum caso confirmado de infecção pelo novo coronavírus.

Combustíveis

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) apresentou nesta sexta-feira um projeto de lei que zera impostos federais que recaem sobre os combustíveis.

O preço dos combustíveis e as tentativas de baixar o preço nas bombas dos postos têm sido um tema recorrente em falas do presidente Jair Bolsonaro, que mais recentemente desafiou os governadores ao afirmar que estaria disposto a zerar a tributação federal desde que os chefes dos Executivos estaduais baixem a zero a alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

O projeto de Raldolfe prevê que a alíquota zero para PIS/Cofins de combustíveis entre em vigor até 31 de dezembro de 2022, segundo a assessoria do senador.

- Cenário Externo

Argentina

A vice-presidente da Argentina, Cristina Kirchner, disse no sábado que o governo do país não pagará “sequer meio centavo” de sua dívida com o Fundo Monetário Internacional (FMI) enquanto o país não sair da recessão.

“A primeira coisa que temos que fazer para poder pagar é sair da recessão”, disse Cristina em uma apresentação de seu livro “Sinceramente” na feira internacional do livro em Havana. “Se houver uma recessão, ninguém vai pagar sequer meio centavo e a forma de sair da recessão é por meio de muito investimento estatal.”

A Argentina precisa reestruturar 100 bilhões de dólares em dívida soberana com credores, incluindo parte de um crédito de 57 bilhões de dólares que o FMI deu ao país em 2018.

EUA

O secretário de Tesouro dos Estados Unidos, Steven Mnuchin, disse na sexta-feira que o Produto Interno Bruto dos EUA deve crescer menos de 3% neste ano, em parte por causa de problemas com a Boeing que suspendeu a produção de suas aeronaves 737 MAX por questões de segurança.

“Penso que nossa projeção foi reduzida por causa da Boeing e outros impactos, então será menor. Acho que teríamos atingido os 3% de novo, a Boeing teve um grande impacto em nossas exportações, sendo o maior exportador”, disse Mnuchin em entrevista à Fox Business Network.

“Acho que pode ser 50 pontos-base”, se não mais, disse o secretário. “Não há dúvida de que o vírus terá algum impacto no crescimento global e algum impacto nos EUA”, disse Mnuchin em referência ao coronavírus, que teve origem na China.

China

Os preços nos portões das fábricas da China interromperam seis meses de queda na comparação anual em janeiro, embora os fechamentos prolongados de empresas devido ao surto de coronavírus signifiquem que o ímpeto positivo não deve persistir.

O vírus matou mais de 900 pessoas na China e também ampliou as pressões de preços com a inflação ao consumidor atingindo máxima de mais de oito anos uma vez que as restrições do governo ao movimento levaram os moradores a estocar produtos essenciais.

O índice de preços ao produtor subiu 0,1% em janeiro na comparação com o ano anterior, de acordo com dados divulgados pela Agência Nacional de Estatísticas nesta segunda-feira, em linha com as expectativas em pesquisa da Reuters e revertendo a queda de 0,5% em dezembro.

BOLSAS INTERNACIONAIS

Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,60%, a 23.685 pontos. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,59%, a 27.241 pontos. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,51%, a 2.890 pontos. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,41%, a 3.916 pontos.

O começo da semana é negativo para os principais mercados da Europa. Em Frankfurt, o DAX tem perdas de 0,22% aos 13.484 pontos, enquanto que em Londres, o FTSE cede 0,28% aos 7.446 pontos. Já em Paris, o CAC recua 0,28% aos 6.012 pontos.

COMMODITIES

A jornada desta segunda-feira foi marcada por uma leve queda nas cotações dos contratos futuros do minério de ferro, que são transacionados na bolsa de mercadorias de Dalian, na China. O ativo com o maior volume de operações, com data de vencimento para maio deste ano, cedeu 0,68% a 581,50 iuanes por tonelada, o que representa variação de 4 iuanes em relação aos 585,50 iuanes da sessão anterior.

No caso do vergalhão de aço, o começo da semana foi marcado por rumos distintos nos preços dos principais contratos operacionalizados, na bolsa de mercadorias da também chinesa cidade de Xangai. Desta forma, o contrato de maio de 2020, cedeu 4 iuanes para 3.305 iuanes por tonelada, enquanto que o de outubro saltou 29 iuanes para 3.366 iuanes por tonelada.

No caso do petróleo, a sessão é também negativa para os preços do petróleo. Em Londres, o barril do tipo Brent cai 0,37%, ou US$ 0,20, a US$ 54,27. Já em Nova York, o WTI recua 0,42%, ou US$ 0,23, a US$ 50,09.

MERCADO CORPORATIVO

- Vale (SA:VALE3)

A mineradora Vale (SA:VALE3) chegou a acordo preliminar de 25 milhões de dólares para encerrar ação coletiva movida contra a companhia nos Estados Unidos após o rompimento de barragem da Samarco em Mariana (MG) em 2015, em acerto que ainda precisará passar por aprovações judiciais, segundo documento visto pela Reuters.

O processo foi movido por investidores estrangeiros que acusaram a Vale (SA:VALE3), sócia da Samarco junto à BHP, de omitir ou ocultar informações sobre suas políticas de riscos e procedimentos de segurança, o que segundo eles teria levado a prejuízos com o desastre.

A proposta de acordo em troca de um pagamento em dinheiro aos reclamantes vem após meses de negociações com apoio de um mediador. Um tribunal ainda deverá ouvir as partes e determinar se a proposta é “justa, razoável e adequada”, segundo o documento judicial.

- IPO do Votorantim

O Banco do Brasil (SA:BBAS3) informou nesta sexta-feira por meio de fato relevante que assinou um novo acordo de acionistas com a Votorantim Finanças, braço financeiro do Grupo Votorantim, sobre parceria no BV (ex-Banco Votorantim).

Segundo duas fontes a par do assunto, a medida era um passo necessário para que o BV dê sequência ao seu plano de se listar na bolsa paulista por meio de uma oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês).

Grupo Votorantim, com 50,01% do capital, e BB (SA:BBAS3), com 49,99%, dividem o controle do BV. O acordo de acionistas, agora substituído, não previa a realização de uma oferta de ações do BV, possibilidade que agora passou a existir.

Segundo as fontes, que pediram anonimato porque o assunto é sigiloso, a expectativa dos sócios é de que o IPO aconteça em abril e que levante cerca de 5 bilhões de reais, sendo 1 bilhão de uma oferta primária (ações novas, cujos recursos vão para o caixa do BV), enquanto os 4 bilhões restantes corresponderão à oferta secundária, com BB (SA:BBAS3) e Votorantim levando 2 bilhões cada.

- Petrobras (SA:PETR4)

A Petrobras (SA:PETR4) afirmou nesta sexta-feira que está providenciando a contratação imediata de pessoas e serviços em caráter emergencial para garantir a continuidade de suas operações em meio a uma greve de trabalhadores.

A empresa afirmou que a paralisação, iniciada no sábado passado, não gerou impactos sobre a produção até o momento, mas defendeu que as contratações são necessárias porque sindicatos teriam descumprido decisão do Tribunal Superior do Trabalho, que exigiu manutenção de 90% do efetivo.

“A ordem judicial do TST de garantir contingente mínimo de 90% do efetivo não vem sendo cumprida pelos sindicatos e, em decorrência disso, o tribunal autorizou a contratação emergencial pela Petrobras (SA:PETR4) para suprir temporariamente os serviços essenciais e evitar impactos à operação e à produção”, afirmou a empresa.

- Eletrobras (SA:ELET3)

O presidente Jair Bolsonaro indicou nesta sexta-feira que a Eletrobras (SA:ELET3) deve passar por um processo de privatização para evitar o colapso da estatal, que é responsável por cerca de um terço da capacidade de geração de energia e metade do sistema de transmissão do país.

A afirmação veio em resposta à pergunta de uma pessoa no portão do Palácio da Alvorada que, após dizer que integra o quadro da empresa, questionou se ela seria desestatizada.

“Olha, o que aconteceu? Quando a Dilma baixou o preço (da energia), houve um déficit enorme. Hoje, você precisa investir para o sistema não entrar em colapso. Eu não tenho 28 bilhões de reais. Esse é o problema. Tem muita estatal aí que tem que ser negociada, esse é o problema”, respondeu ele, em transmissão feita pelas suas redes sociais.

Bolsonaro referiu-se indiretamente à decisão do governo Dilma Rousseff de editar uma medida provisória em setembro de 2012 que tinha como objetivo baratear a tarifa de energia para os consumidores.

- Equatorial Energia (SA:EQTL3)

A Equatorial Energia (SA:EQTL3) iniciou nesta semana a operação comercial de um projeto de transmissão de eletricidade com antecipação de 24 meses em relação ao prazo contratual, informou a companhia em comunicado nesta sexta-feira.

O empreendimento, sob responsabilidade da controlada Equatorial (SA:EQTL3) Transmissora SPE 2, renderá à empresa uma receita anual de 78 milhões de reais, em valores de junho de 2019.

A Equatorial (SA:EQTL3) arrematou a concessão para construção e operação do projeto de transmissão em leilão realizado pelo governo federal em outubro de 2016. O contrato para o empreendimento foi assinado em fevereiro de 2017.

- Caixa Econômica Federal

A Caixa Econômica Federal prepara uma reformulação profunda de sua estrutura administrativa, que deve incluir um programa de demissão voluntária (PDV), a criação de centenas de superintendências menores e o fechamento de agências.

Segundo um documento interno da Caixa, ao qual a Reuters teve acesso, o número de superintendências de rede e varejo do banco deve subir de 92 para 412. Além disso, a instituição criará 57 superintendências de governo e 54 superintendências de habitação, cargos hoje inexistentes na estrutura da instituição.

A proposta preliminar, foi aprovada na diretoria nesta sexta-feira e será submetida ao conselho de administração do banco, que deve deliberar sobre o assunto numa reunião daqui a dois meses. O plano prevê ainda 3,6 mil novas vagas de gerentes, e 2,6 mil novos assistentes. As funções devem ser preenchidas com atuais funcionários.

- Paraná Banco

O Paraná Banco fez pedido de oferta inicial primária de units, em uma volta da instituição ao mercado acionário, segundo fato relevante publicado pela instituição nesta sexta-feira. A oferta das units será coordenada por JP Morgan, Goldman Sachs, Bradesco BBI e XP Investimentos, informou o banco paranaense.

- Aviação

A Air Nostrum, unidade da britânica International Airlines Group (LON:ICAG), tornou-se a segunda companhia aérea espanhola a pedir permissão para operar voos domésticos no Brasil, informou a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), nesta sexta-feira.

Se a empresa conseguir a licença, os voos vão começar no segundo semestre sob um outro nome de companhia aérea, informou a Anac.

A Air Nostrum, com sede em Valência, é controlada pela Iberia, que por sua vez é parte do grupo IAG junto com a British Airways.

No ano passado, a companhia espanhola Globalia, que controla a Air Europa, tornou-se a primeira companhia estrangeira a ter licença para voos domésticos no país.

AGENDA DE AUTORIDADES

- Jair Bolsonaro

O dia do presidente da República começa recebendo Onyx Lorenzoni, Ministro-Chefe da Casa Civil. Em seguida, recebe separadamente os ministros Tarcísio Gomes de Freitas (Infraestrutura), Paulo Guedes (Economia) e Abraham Weintraub (Educação).

Com Reuters.

Relacionadas

Últimos comentários

Adicionar comentário
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Discussão
Escrever uma resposta...
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.

Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos neste site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas neste site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos neste site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.

English (USA) English (UK) English (India) English (Canada) English (Australia) English (South Africa) English (Philippines) English (Nigeria) Deutsch Español (España) Español (México) Français Italiano Nederlands Português (Portugal) Polski Русский Türkçe ‏العربية‏ Ελληνικά Svenska Suomi עברית 日本語 한국어 中文 香港 Bahasa Indonesia Bahasa Melayu ไทย Tiếng Việt हिंदी
Sair
Tem certeza de que deseja sair?
NãoSim
CancelarSim
Salvando Alterações

+

Baixe o App

Mais informações sobre o mercado, mais alertas, mais opções de personalizar seus ativos em sua carteira, apenas pelo App