ABERTURA: Ibov futuro acompanha exterior otimista com EUA-China e tem forte alta

ABERTURA: Ibov futuro acompanha exterior otimista com EUA-China e tem forte alta

Investing.com  | 11.10.2019 09:08

A jornada desta sexta-feira começa positiva para o índice futuro do Ibovespa, que avança 0,96% aos 103.305 pontos, com o dólar recuando 0,37% a R$ 4,0933. O mercado recebe bem as notícias dos avanços das conversas entre Estados Unidos e China, que podem c

Investsing.com - A jornada desta sexta-feira começa positiva para o índiceIbovespa Futuros, que iniciou com avanço de 0,96% aos 103.305 pontos, mas minimizou os ganhos às 09h18, com uma forte alta de 0,8% a 103,092 pontos. O dólar abriu recuando 0,37% a R$ 4,0933, mas a queda diminuiu para 0,14% a R$ 4,1037. O mercado recebe bem as notícias dos avanços das conversas entre Estados Unidos e China, que podem colocar fim à disputa comercial entre as nações.

- Cenário Interno

OCDE

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta sexta-feira que não houve mudança de posição dos Estados Unidos em relação ao apoio da entrada do Brasil na Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), apenas que outros países estão antes na fila antes.

“Estamos praticamente chegando lá, mas dois países estavam na nossa frente, Argentina e Romênia”, disse o presidente, justificando o recuo norte-americano. “O Brasil, vai chegar sua hora. Mas não é de hoje para amanhã, leva tempo. Nessa questão da OCDE continuamos firmes e fortes, se Deus quiser, daqui a um ano, um ano e meio estaremos lá.”

Acordo Mercosul – União Europeia

Brasil poderá enfrentar a resistência de mais um país europeu para a ratificação do acordo Mercosul-União Europeia com a eleição da ativista ambiental Zuzana Caputova para a Presidência da Eslováquia, disse nesta quinta-feira o embaixador Eduardo Gradilone, indicado para a representação do Brasil no país, durante sabatina na Comissão de Relações Exteriores do Senado.

“Caputova é a ativista política mais popular da Eslováquia e é marcada por uma forte postura ambientalista. Ela assumiu a Presidência em junho, e já temos sentido cobranças. Isso pode repercutir, sim, na ratificação do país ao acordo Mercosul-UE”, disse o embaixador aos senadores, de acordo com a Agência Senado.

- Cenário Externo

Disputa Comercial

O presidente norte-americano, Donald Trump, afirmou que as conversas entre autoridades dos Estados Unidos e da China nesta quinta-feira caminharam “muito bem” e ambos os lados tiveram uma negociação “muito, muito boa”.

Trump deu a declaração a repórteres na Casa Branca depois que negociadores de alto escalão dos EUA e da China se reuniram pela primeira vez desde o fim de julho para tentar aliviar a guerra comercial que já dura 15 meses.

Os grupos de negócios expressaram otimismo de que poderiam encontrar um termo comum que permita adiar um aumento de tarifas dos EUA, agendado para a próxima semana.

Versão Chinesa

Um jornal estatal chinês afirmou na sexta-feira que um acordo comercial “parcial” vai beneficiar a China e os Estados Unidos, e que os EUA deveriam aceitar a oferta na mesa, refletindo o objetivo chinês de aliviar a disputa antes que mais tarifas norte-americanas entrem em vigor.

Ambos os lados adotaram tarifas sobre centenas de bilhões de dólares em produtos durante os 15 meses da disputa comercial, que abalou mercados financeiros e afetou as cadeias de oferta com as empresas alterando os locais de produção.

Conforme negociadores dos EUA e da China encerraram um primeiro dia de discussões comerciais em mais de dois meses na quinta-feira, grupos empresariais demonstraram otimismo de que os dois lados possam aliviar o conflito e adiar o aumento de tarifas dos EUA marcado para a próxima semana.

Zona do Euro

Os governos da zona do euro podem ajudar o Banco Central Europeu a elevar as taxas de juros mais cedo se abrirem suas próprias carteiras para sustentar a economia, disse o presidente do BCE, Mario Draghi, nesta sexta-feira.

“Uma política fiscal mais ativa na zona do euro tornaria possível ajustar nossas políticas mais rapidamente, que estamos cientes de ter efeitos adversos em certos setores da sociedade e em certos intermediários”, disse Draghi em um evento em Milão.

BOLSAS INTERNACIONAIS

Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 1,15%, a 21.798 pontos. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 2,34%, a 26.308 pontos. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,88%, a 2.973 pontos. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,96%, a 3.911 pontos.

A sexta-feira dá sinais de que a sessão será positiva para grande parte dos mercados de ações, com o DAX, de Frankfurt, somando 2,03% aos 12.411 pontos, enquanto que, em Londres, o FTSE sobe 0,42% aos 7.216 pontos. Já em Paris, o CAC ganha 1,09% aos 5.629 pontos.

COMMODITIES

Na sessão desta sexta-feira na bolsa de mercadorias de Dalian, principal referência na China, os contratos futuros do minério de ferro tiveram uma nova valorização importante. O ativo com o maior volume de negócios, com data de vencimento em janeiro de 2020, somou 1,86% fechando a 658,00 iuanes por tonelada, diante do valor de liquidação da véspera, que foi de 646,00 iuanes por tonelada, variação diária de 12 iuanes.

Em sentido inverso, a jornada teve leve retração para os papéis futuros do vergalhão de aço, que são transacionados na também chinesa bolsa de mercadorias de Xangai. O contrato de maior liquidez, com entrega para janeiro de 2020, recuou 5 iuanes para 3.407 iuanes por tonelada. Já o de maio do mesmo ano, segundo em volume, cedeu 5 iuanes a 3.231 iuanes por tonelada.

No caso do petróleo, a sexta-feira é positiva para os principais contratos. Em Londres, o Brent soma 1,13%, ou US$ 0,67, a US$ 59,77. Já em Nova York, o WTI avança 1,46% ou US$ 0,78, a US$ 54,33.

MERCADO CORPORATIVO

- AES Tietê (SA:TIET11)

A AES Tietê (SA:TIET11) informou nesta quinta-feira o encerramento das negociações para compra dos ativos da Renova Energia (SA:RNEW11) em função do não cumprimento de condições prévias de contrato firmado em 9 de abril.

“A companhia reforça que continua engajada na estratégia de crescimento, analisando oportunidades de projetos que criem valor para seus acionistas”, disse a empresa em fato relevante.

Em comunicado separado, a Renova (SA:RNEW11) afirmou que ainda negocia com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para prorrogar, até 15 de janeiro de 2020, o empréstimo ponte destinado à execução das obras do ASIII, que vence em 15 de outubro de 2019.

A AES Tietê (SA:TIET11) anunciou em abril acordo para comprar da Renova (SA:RNEW11) o Complexo Eólico Alto Sertão III. O acordo previa pagamentos de até 350 milhões de reais pelo projeto na Bahia e a assunção de dívida financeira de 988 milhões de reais do empreendimento, cuja construção está parada desde 2016.

- Embraer (SA:EMBR3)

A Embraer (SA:EMBR3) vai conceder férias coletivas a todos os seus funcionários no Brasil, cerca de 15 mil trabalhadores, em janeiro, em preparação para a transferência do controle de sua divisão de aviação comercial para a norte-americana Boeing, informou a empresa nesta quinta-feira.

Os salários serão pagos normalmente durante a licença, que vai durar de 6 a 20 de janeiro, disseram a empresa e o sindicato dos metalúrgicos que representa de trabalhadores da Embraer (SA:EMBR3)

A Boeing concordou em comprar 80% da divisão de planos comerciais da Embraer (SA:EMBR3) por 4,75 bilhões de dólares, um acordo aprovado pelos acionistas e pelo governo brasileiro, mas que está passando por intensa investigação regulatória na Europa.

“O objetivo [da licença] é implementar a segregação interna do negócio de aviação comercial”, disse a Embraer (SA:EMBR3) em comunicado.

- Braskem (SA:BRKM5)

A Braskem (SA:BRKM5) afirmou nesta quinta-feira que o juiz da 7ª Vara do Trabalho de Maceió negou pedidos liminares do Ministério Público do Trabalho (MPT) numa ação civil pública contra a Companhia no contexto do fenômeno geológico em Maceió, incluindo pedido de bloqueio de 2,5 bilhões de reais.

- Cessão Onerosa

O governo publicará relatório extemporâneo de receitas e despesas em outubro, no qual incluirá tanto os recursos do leilão de petróleo realizado nesta quinta-feira quanto os da cessão onerosa, disseram fontes da equipe econômica.

Ainda não está definido se, em função desse cenário, haverá novo descontingenciamento nas despesas discricionárias por uma série de incertezas, incluindo alerta do Tribunal de Contas da União (TCU) sobre o fato de o ingresso das receitas com os certames ser efetivado somente nos últimos dias do ano.

Portanto, se houver qualquer contratempo na operacionalização desse processo, a margem de manobra será estreita para assegurar o cumprimento da meta fiscal, que é de um déficit primário de 139 bilhões de reais para o governo central.

- Usiminas (SA:USIM5)

A Usiminas (SA:USIM5) afirmou nesta quinta-feira que a inclusão de barragens suas em relatório da Agência Nacional de Mineração (ANM) sobre estruturas que não tiveram segurança atestada deveu-se a equívoco.

Segundo a companhia, diferente do que consta no relatório, as barragens Mina Oeste (Somisa), Samambaia e Dique Oeste, todas da Musa, braço de mineração do grupo, foram declaradas estáveis em auditoria externa.

“A inclusão de tais barragens no referido relatório decorreu de um equívoco no envio da documentação por meio do sistema eletrônico da ANM, o qual já foi plenamente sanado junto à agência e os demais órgãos fiscalizadores”, diz o documento.

- Eletrobras (SA:ELET3)

A estatal Eletrobras (SA:ELET3) abriu um novo Plano de Demissão Consensual (PDC), dessa vez mirando funcionários da subsidiária Furnas, de acordo com documento visto pela Reuters nesta quinta-feira.

O programa de desligamentos vem em momento em que a elétrica estatal tem buscado enxugar seus quadros para reduzir custos em meio a preparativos para uma esperada privatização.

O plano de demissão de Furnas foi aberto na quarta-feira e receberá adesões até 14 de novembro, com os desligamentos previstos para 15 de dezembro, segundo documento da diretoria da companhia.

Os elegíveis ao programa são empregados aposentados ou em condições de aposentadoria até o final deste ano, além daqueles em cargo ou função de nível fundamental e servidores lotados em “unidades operativas desativadas ou em automação, com excedente de pessoal”.

- Siemens

O presidente da Siemens no Brasil, André Clark, disse à Reuters nesta quinta-feira que a companhia está animada com o mercado de gás natural no país e que o apetite por ativos térmicos está associado a essa expectativa, embalada ainda pelo lançamento neste ano pelo governo de um programa para incentivar o setor, o chamado Novo Mercado de Gás.

“A gente está interessado nesse segmento desde antes do novo programa”, afirmou Clark, citando como exemplo os projetos no Rio de Janeiro, por meio da joint venture Gás Natural Açu (GNA).

Segundo ele, a companhia e suas sócias na GNA cadastraram um projeto de expansão do parque térmico da empresa em leilão do governo federal para contratação de novos empreendimentos de geração de energia agendado para este mês, o A-6, que prevê entrega das usinas a partir de 2025.

- Petrobras (SA:PETR4)

A Petrobras (SA:PETR4) será ressarcida pela União pelo trabalho que vem desempenhando junto a órgãos de Estado para conter os danos causados pelo petróleo que atinge praias do Nordeste há mais de um mês.

A atuação da petroleira na limpeza das praias ocorre por solicitação e orientação do órgão ambiental federal Ibama, explicou a companhia à Reuters.

A estatal ressaltou que o trabalho ocorre apesar de ter sido constatado que a substância que atinge as regiões litorâneas não partiu de nenhuma atividade de produção ou comercialização da empresa.

“A Petrobras (SA:PETR4) confirma que trabalha na tarefa de limpeza das praias por solicitação do Ibama e sob sua coordenação, que continuará à disposição, apesar de tratar-se de acidente não gerado pela empresa, e que terá os custos ressarcidos, conforme informado pelo Instituto”, disse a empresa, sem responder qual o valor que deverá ser pago.

BNDES

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) pretende continuar com um papel importante no financiamento a projetos de energia no Brasil, além de atuar de outras maneiras no setor, como no apoio a privatizações de ativos estaduais, disse nesta quinta-feira o presidente do banco estatal, Gustavo Montezano.

“O BNDES, olhando para a frente, no setor de energia, vai continuar a ter o papel protagonista que ele sempre teve na história do desenvolvimento energético do Brasil”, afirmou Montezano ao participar do Fórum de Investimento Brasil 2019, em São Paulo, onde classificou a instituição de fomento como “o maior financiador de energia limpa do mundo”.

Ele acrescentou que, além de atuar no crédito, o banco também vai apoiar a estruturação de projetos de venda de distribuidoras estaduais de gás natural, cuja desestatização o governo federal pretende incentivar por meio do programa Novo Mercado de Gás.

- Total

A francesa Total tem interesse em ampliar seus negócios de distribuição de combustíveis no Brasil, setor em que estreou com a aquisição da empresa Zema Petróleo em Minas Gerais em novembro passado, disse nesta quinta-feira o vice-presidente da companhia para Américas, Jean-Michel Lavergne.

“O Brasil é um mercado muito grande, e participar do esforço de fornecer gasolina a todos de uma maneira segura, limpa e barata é claramente um objetivo estratégico da Total, então começamos com a compra de uma rede de estações no Estado de Minas Gerais”, disse ele.

A Zema Petróleo conta com rede de 280 postos de serviços e instalações de armazenamento de derivados de petróleo e etanol, localizados principalmente nos Estados de Minas Gerais, Goiás e Mato Grosso, segundo informação veiculada quando o negócio foi fechado.

Relacionadas

Últimos comentários

Adicionar comentário
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Discussão
Escrever uma resposta...
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.

Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos neste site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas neste site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos neste site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.

English (USA) English (UK) English (India) English (Canada) English (Australia) English (South Africa) English (Philippines) English (Nigeria) Deutsch Español (España) Español (México) Français Italiano Nederlands Português (Portugal) Polski Русский Türkçe ‏العربية‏ Ελληνικά Svenska Suomi עברית 日本語 한국어 中文 香港 Bahasa Indonesia Bahasa Melayu ไทย Tiếng Việt हिंदी
Sair
Tem certeza de que deseja sair?
NãoSim
CancelarSim
Salvando Alterações

+