Cautela marca começo de semana com EUA-China no radar; Bradesco sobe

Cautela marca começo de semana com EUA-China no radar; Bradesco sobe

Reuters  | 07.10.2019 12:23

Cautela marca começo de semana com EUA-China no radar; Bradesco sobe

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa mostrava fraqueza nesta segunda-feira, com agentes financeiros atentos ao noticiário sobre as negociações comerciais entre Estados Unidos e China, enquanto Bradesco avançava após proposta bilionária de dividendo extraordinário.

Às 11:20, o Ibovespa (BVSP) caía 0,25%, a 102.298,69 pontos. Na mínima, chegou a 101.861,43 pontos. O volume financeiro somava 2,66 bilhões de reais.

Investidores adotavam alguma cautela antes de rodada de negociações comerciais entre autoridades norte-americanas e chinesas de alto escalão, marcada para começar na quinta-feira, principalmente após notícia de que a China estaria relutante a um acordo mais amplo. [nFWN26P0DQ]

"Se as mais recentes sinalizações eram de um 'azeitamento' nas relações sino americanas, pode se dizer que uma diluição nesse sentimento está ocorrendo", destacou a equipe da corretora H.Commcor em relatório a clientes, citando contudo que é preciso esperar para ver sobre a retomada das conversas no dia 10.

Em Nova York, o S&P 500 (SPX) cedia 0,4% e o Dow Jones (DJI) caía 0,35%, reduzindo as perdas.

DESTAQUES

- BRADESCO PN (SA:BBDC4) e BRADESCO ON (SA:BBDC3) subiam 1,5 1,6, respectivamente, atenuando a pressão negativa sobre o Ibovespa, após o segundo maior banco privado do país anunciar proposta de pagamento dividendo extraordinário de 8 bilhões de reais, que será avaliada pelo conselho em reunião do próximo dia 17. "Muito positivo", afirmou o analista Marcelo Telles, do Credit Suisse, em nota a clientes. [nE6N25X052]

- ITAÚ UNIBANCO PN (SA:ITUB4) tinha variação positiva de 0,3%, enquanto BANCO BTG PACTUAL UNIT (SA:BPAC11) perdia 1%, BANCO DO BRASIL ON (SA:BBAS3) recuava 1,3% e SANTANDER BRASIL UNIT (SA:SANB11) cedia 0,25%.

- ELETROBRAS PNB (SA:ELET6) e ELETROBRAS ON (SA:ELET3) caíam 3% e 2,86%, entre as maiores quedas. No fim de semana, a Folha de S.Paulo noticiou que o governo enterrou de vez os planos de injetar 3,5 bilhões de reais para tornar a companhia mais atraente para investiores privados e decidiu adotar uma estratégia corpo a corpo com parlamentares em uma ofensiva para angariar apoio ao projeto de lei que abrirá caminho para a privatiação da estatal.

- VALE ON (SA:VALE3) desalorizava-se 0,15%, em sessão sem viés definido.

- BRASKEM PNA (SA:BRKM5) caía 2,7%, com o papel ainda suscetível ao imbróglio envolvendo ao plano de recuperação judicial do grupo Odebrecht, controlador da companhia.

- JBS ON (SA:JBSS3) recuava 0,8%, entre as maiores pressões de baixa do Ibovespa, no segunda sessão de queda, capitaneando as perdas no setor de proteínas, com MARFRIG ON (SA:MRFG3) em baixa de 1,1% e BRF ON (SA:BRFS3) cedendo 0,8%.

- PETROBRAS PN (SA:PETR4) e PETROBRAS ON (SA:PETR3) subiam 0,15% e 0,07%, respectivamente, apesar da alta dos preços do petróleo no mercado externo (LCOc1) (CLc1).

- CYRELA COMMERCIAL PROPERTIES ON (SA:CCPR3), que não está no Ibovespa, disparava 6,4%, tendo de pano de fundo oferta primária de até 54 milhões de ações em follow on previsto para ser precificado em 28 de outubro. [nL2N26S09J]

- OI ON (SA:OIBR3) subia 3,2%, em meio a uma notícia sobre negociações entre grandes grupos do setor para comprar ativos da operadora de telefonia brasileira, que está em recuperação judicial. [uL2N26S0DE]

- BIOTOSCANA BDR (SA:GBIO33) saltava 12%, tendo no radar notícia do blog financeiro Brazil Journal que a Advent e a gestora Essex estão em conversas avançadas para a venda do controle da Biotoscana, sendo que a Eurofarma e a farmacêutica canadense Knight Therapeutics apresentaram propostas e uma decisão deve ser tomada nas próximas semanas.

(Edição Alberto Alerigi Jr.)

Relacionadas

Últimos comentários

Adicionar comentário
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Ismart Dias
Ismart Dias

os dividendo não depende do valor da ação mais sim do lucro do banco   ... (Leia Mais)

07.10.2019 20:01 GMT· Responder
wellington nikinho
wellington nikinho

Bradesco pagará mesmo os dividendos?  ... (Leia Mais)

07.10.2019 16:54 GMT· Responder
wellington nikinho
wellington nikinho

Bradesco pagará mesmo os dividendos?  ... (Leia Mais)

07.10.2019 16:54 GMT· Responder
Discussão
Escrever uma resposta...
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.

Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos neste site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas neste site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos neste site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.

English (USA) English (UK) English (India) English (Canada) English (Australia) English (South Africa) English (Philippines) English (Nigeria) Deutsch Español (España) Español (México) Français Italiano Nederlands Português (Portugal) Polski Русский Türkçe ‏العربية‏ Ελληνικά Svenska Suomi עברית 日本語 한국어 中文 香港 Bahasa Indonesia Bahasa Melayu ไทย Tiếng Việt हिंदी
Sair
Tem certeza de que deseja sair?
NãoSim
CancelarSim
Salvando Alterações

+