Ibovespa sobe 1,13% e retoma 116 mil pontos; giro soma R$75 bi

Ibovespa sobe 1,13% e retoma 116 mil pontos; giro soma R$75 bi

Reuters  | 12.02.2020 18:49

Ibovespa sobe 1,13% e retoma 116 mil pontos; giro soma R$75 bi

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa fechou em alta nesta quarta-feira, apoiado pelo viés externo positivo, tendo Cogna entre as maiores altas após precificar oferta de ações, assim como TIM (SA:TIMP3), que divulgou resultado acima das expectativas.

Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa subiu 1,13%, a 116.674,13 pontos. O volume financeiro somou 74,6 bilhões de reais, em sessão marcada pelos vencimentos de opções do Ibovespa e do índice futuro.

Analistas da corretora Mirae Asset atribuíram o tom positivo no mercado a uma aparente confiança de que o surto de coronavírus, que emergiu na China, logo será controlado.

Apesar de o coronavírus ainda estar contaminando muitas pessoas na China, eles destacaram que o mercado está se apegando ao controle do governo chinês a cidades atingidas, com a doença não mais se propagando tão rapidamente como no começo.

Fernando Bresciani e Pedro Galdi também citaram como outro componente que tem ajudado no humor orientação do governo chinês a algumas cidades que estavam paradas a retomar suas atividades para não gerar falta de suprimentos em nível mundial.

DESTAQUES

- COGNA ON avançou 4,04%, um dia após precificar oferta de ações a 11 reais por papel, um desconto de apenas 1,35% em relação ao fechamento das ações na véspera, levantando quase 2,6 bilhões de reais. Os recursos devem ser usados para aquisições de entidades de ensino superior para otimizar a estrutura de capital da empresa de educação.

- KLABIN UNIT (SA:KLBN11) subiu 4,52% e SUZANO fechou em alta de 3,92%, tendo de pano de fundo a melhora do ânimo em relação à China, além de nova alta do dólar ante o real, renovando cotação recorde, a 4,3506 reais, o que tende a beneficiar as fabricantes de papel e celulose. A Suzano (SA:SUZB3) divulgou seu balanço após o fechamento do pregão, com lucro e Ebitda em linha com as previsões de analistas.

- TIM PARTICIPAÇÕES ON valorizou-se 4,05%, após a operadora de telefonia reportar lucro líquido normalizado de 756 milhões de reais no quarto trimestre, acima da estimativa média de analistas de 599,4 milhões de reais. Em teleconferência sobre o resultado, a TIM disse pode elevar ainda mais seus resultados sequenciais, com base nos primeiros sinais de melhoria observados em janeiro.

- TOTVS ON (SA:TOTS3) teve alta de 4,24% antes da divulgação do resultado do quarto trimestre. Após o pregão, a empresa anunciou lucro levemente abaixo e Ebitda pouco acima da previsão média de analistas da Refinitiv.

- CIELO ON (SA:CIEL3) subiu 2,66% com a possibilidade de o Banco do Brasil vender negócios na área de cartões, na qual está inserida fatia na Cielo, afirmou o Valor Econômico.

- BANCO DO BRASIL ON (SA:BBAS3), que divulga balanço na quinta-feira, teve ganho de 0,58%. ITAÚ UNIBANCO PN caiu 0,4%, enquanto BRADESCO PN (SA:BBDC4) perdeu 1,34%.

- PETROBRAS PN (SA:PETR4) e PETROBRAS ON (SA:PETR3) encerraram com elevação de 2,2% e 1,69%, respectivamente, amparadas pela alta dos preços do petróleo no mercado externo.

- VALE ON (SA:VALE3) teve acrescimo de 1,96%, em sessão de alta de papéis de mineração e siderurgia na Europa, com o minério de ferro na China engatando nova alta. CSN ON (SA:CSNA3) subiu 2,04%.

- CVC (SA:CVCB3) BRASIL ON recuou 2,49%, destaque na ponta negativa, afetada pela alta do dólar, além do cenário ainda desfavorável para o setor de viagens em razão do coronavírus.

- IRB BRASIL ON (SA:IRBR3) caiu 2,74%, conforme agentes seguem repercutindo desdobramentos de questões da Squadra Investimentos sobre a sustentabilidade dos resultados da resseguradora. A empresa disse mais cedo na semana que contratará auditoria adicional de seu balanço de 2019, programado para o dia 18.

Relacionadas

Últimos comentários

Adicionar comentário
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Discussão
Escrever uma resposta...
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.

Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos neste site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas neste site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos neste site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.

English (USA) English (UK) English (India) English (Canada) English (Australia) English (South Africa) English (Philippines) English (Nigeria) Deutsch Español (España) Español (México) Français Italiano Nederlands Português (Portugal) Polski Русский Türkçe ‏العربية‏ Ελληνικά Svenska Suomi עברית 日本語 한국어 中文 香港 Bahasa Indonesia Bahasa Melayu ไทย Tiếng Việt हिंदी
Sair
Tem certeza de que deseja sair?
NãoSim
CancelarSim
Salvando Alterações

+

Baixe o App

Mais informações sobre o mercado, mais alertas, mais opções de personalizar seus ativos em sua carteira, apenas pelo App

Baixe o App

Mais informações sobre o mercado, mais alertas, mais opções de personalizar seus ativos em sua carteira, apenas pelo App