Fechamento Da Curva: Visita Não Confirmada

Fechamento Da Curva: Visita Não Confirmada

Fabio Pestana Bezerra  | 13.06.2019 13:50

A própria definição de taxa de juros vai te mostrar que é importante refletir e assumir que não se sabe a direção, quer você seja um cozinheiro profissional ou um gestor de investimentos. Decisão de investimentos envolve um constante diálogo relacionado ao custo de determinado investimento e o retorno que se obterá. Quando o governo paga um juros muito alto desestimula a economia. É evidente um custo maior de financiamento torna mais arriscado e lento o processo de investir. Necessário para o aumento do nível de emprego.

Política monetária é feita com o mesmo conceito. Com a inflação subindo é necessário um aumento na taxa de juros de maneira a controlar o crescimento econômico, diminuir a expansão econômica, reduzindo com isso o aumento generalizado dos preços. O que acontece caso se cozinha um bolo com uma temperatura fora do normal, este bolo vai desidratar e queimar, reduzindo seu potencial de crescimento, o queimado toma conta dos sabores e o bolo inteiro é prejudicado. Mas a temperatura é fundamental, sem fogo não se faz bolo. A temperatura ( taxa de juros ) mantém a inflação controlada. A inflação controlada permite ao ambiente de negócios estabilidade, que vai acarretar crescimento econômico sustentável.

O governo endividado e com as despesas comprometidas com a alta previdência tem um horizonte bastante reduzido em relação a investimentos. A taxa de juros do endividamento público torna a dívida pública além de alta, cara. O governo endividado e com sua receita operacional comprometida é um fator de maior instabilidade no país. Este cenário agrava-se com a problemática política, as contas públicas, o ambiente de negócios,a baixa escolaridade da população. Para quem aposta que a taxa de juros desça negligencia o risco inflacionário sobre a premissa de que o crescimento do país está muito abaixo do crescimento potencial. Deste modo não haveria risco de inflação de demanda, mas ainda é possível inflação de custos, que junto com a quebra de muitas empresas e cenário externo impulsionando o dólar alto, pode pressionar principalmente o IGP-M. A inflação americana em 1,8% ao ano (mês de maio) pode colaborar com uma diminuição na taxa de juros externa e maior possibilidade de queda interna. O risco, no entanto, pede uma medida, cautela.

Não é a previdência, mas o bolo queimado, os gastos de terceira linha, muito pouco discutidos. Com juros altos o bolo fica queimado. 34,35% dos gastos anuais do governo é para amortização da dívida e 9,50% para o pagamento de juros da dívida. Se uma família paga cerca de 43,85% de dívidas anuais. Neste cenário de desgaste, as expectativas andam baixas. Embora seja necessário um juros menor, o bolo cozinharia normalmente há outros fatores para analisar. Falta também os ingredientes corretos do bolo e o risco da alta da inflação é pior que a vontade de auxiliar a economia. O presidente do Banco Central Roberto Campos Neto, em sua entrevista para o Valor, relata que a política de juros não é a mais efetiva para ajudar a economia. No texto ele opina sobre a financial condition do país, ou seja, com a concentração das operações em 5 maiores bancos, o spread bancário se mantém em 22%, enquanto nos demais países em desenvolvimento esteja entre 5 a 6%, ainda com a Selic a 6,5%.

Tem argumentos contrários e a favor a queda de juros. A grande parte dos fundos performaram bastante o trading nas taxas acompanhando o baixo crescimento, mas o Banco Central vê da mesma forma? Fato é que sobre a queda da Taxa de Juros, é uma visita que não sabemos se virá.

Estamos no segundo tempo, vamos aguardar como a Reforma da Previdência atuará nas das expectativas, mas neste momento é empate. São vários os argumentos a favor e contra a queda da Taxa de Juros. Empate em segundo tempo, a qualquer momento pode haver um direcionamento diferente deste…

Fabio Pestana Bezerra

Artigos Relacionados

Últimos comentários

Adicionar comentário
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Jefferson Figueiredo
Jefferson Figueiredo

Simples e direto. Parabéns!  ... (Leia Mais)

27.06.2019 13:33 GMT· Responder
Discussão
Escrever uma resposta...
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.

Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos neste site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas neste site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos neste site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.

English (USA) English (UK) English (India) English (Canada) English (Australia) English (South Africa) English (Philippines) English (Nigeria) Deutsch Español (España) Español (México) Français Italiano Nederlands Português (Portugal) Polski Русский Türkçe ‏العربية‏ Ελληνικά Svenska Suomi עברית 日本語 한국어 中文 香港 Bahasa Indonesia Bahasa Melayu ไทย Tiếng Việt हिंदी
Sair
Tem certeza de que deseja sair?
NãoSim
CancelarSim
Salvando Alterações

+