Os Eventos que Impactarão Seus Investimentos na Semana

Os Eventos que Impactarão Seus Investimentos na Semana

Upside Investor  | 11.11.2019 09:56

Bom dia Investidor!

A semana começa com diversas agitações políticas na América do Sul, com o primeiro discurso do ex-presidente Lula no sábado e a renúncia de Evo Morales na Bolívia.

Dada pouca importância da economia boliviana para o mundo, acreditamos que o evento deva ser de impacto relativo para os mercados. Isto é, em termos econômicos há pouca relevância do país para o Brasil, entretanto, a instabilidade política pode impactar o crescimento do país para os próximos anos.

Assim, como está acontecendo com o Chile, já que, além dos desdobramentos políticos dos protestos, há implicitamente uma variável que atrapalha o funcionamento normal dessas economias, o que pode significar menores crescimentos nas mesmas.

No Brasil, o ex-presidente Lula fez seu primeiro discurso no sábado após estar em liberdade, acreditamos que pelo fato do mesmo estar inelegível para cargos políticos por ter sido condenado em segunda instância, seu impacto deve ser reduzido para os mercados financeiros brasileiros, embora, seu barulho político como articulador dos partidos com orientação mais à esquerda deva ser grande, de agora em diante. O que, infelizmente, deve elevar ainda mais o clima de acirramento político no Brasil.

Em termos de dados relevantes para a economia brasileira, temos na quarta feira dados da Pesquisa Mensal do Comércio pelo IBGE.

Em termos internacionais destacamos que quinta-feira é um dia importante por conta de China e EUA, saiba porquê na nossa análise abaixo.

A Segunda-feira começa com dados da Balança comercial do Reino Unido, e do PIB (setembro): o déficit comercial sobe para 2,2 bilhões de libras. O PIB deve cair 0,1% Mês/Mês e subir 0,5% nos três meses até setembro.

Para a Terça, Dados sobre o emprego no Reino Unido: o número de requerentes de outubro cai para 17.800, ante 21.100, enquanto a taxa é de 3,9%. Os ganhos médios devem aumentar para 3,8%, incluindo bônus.

Ainda na terça, o destaque vai para o Índice alemão ZEW (novembro): o sentimento econômico sobe de -22,8 para -22,7. Sutil melhora.

Da Oceania temos o Índice de Confiança do consumidor na Austrália Westpac (novembro): índice subindo para 93,5.

Quarta-feira, Alemanha em destaque com o CPI (Inflação) alemão (outubro): CPI sobe 1,1% Ano /Ano. Também temos inflação no Reino Unido, CPI (outubro): os preços devem aumentar 1,8% Ano/Ano e 0,2% Mês/Mês, e o CPI principal deve aumentar 1,6% A / A.

Dado importante sobre a saúde da economia Europeia com divulgação da produção industrial da zona do euro (setembro): queda de 2,2% A / A.

Inflação (CPI) dos EUA (outubro): o CPI aumenta 0,3% MoM e 1,7% A / A, e o CPI principal aumenta 0,2% MoM e 2,5% A / A. Interessante observar as repercussões nas taxas de juros dos títulos americanos

Da Ásia saberemos o PIB do Japão (terceiro trimestre preliminar): espera-se um aumento de 0,4% no trimestre e de 1,3% no período. Viés positivo.

Pela Quinta-feira, dados sobre emprego na Austrália (outubro): taxa de 5,2% para 5,3%.

Outro bastante relevante vindo da China com Vendas no varejo da China (outubro): espera-se um aumento de 7,8% A / A. Dia para se observar dada a relação da economia brasileira em relação ao mercado chinês.

Depois, é a vez do PIB da Alemanha (Q3, flash): previsão de queda de 0,1% no trimestre e aumento de 0,6% no comparativo anual. Mais um sinal de que como está a saúde da economia Europeia.

Vendas no varejo do Reino Unido (outubro): as vendas devem aumentar 3,2% Ano/Ano e caem 0,2% Mês/Mês.

Embora seja esperada uma queda do PIB da Alemanha, a expectativa do PIB da zona do euro é ligeiramente mais positiva(terceiro trimestre preliminar): espera-se um aumento de 0,2% no trimestre e 1,1% no comparativo anual.

Outro dado relevante agora dos EUA com Reivindicações iniciais de desemprego (em 9 de novembro): as reivindicações devem subir de 211 mil para 219 mil.

Os Estoques de petróleo bruto da EIA nos EUA (com 8 de novembro): os estoques caíram 2,8 milhões de barris na semana passada. Uma semana mais positiva para o petróleo e para ações da Petrobras (SA:PETR4) na visão da Upside Investor

Para Sexta-feira, mais dados de inflação (CPI) da zona euro (outubro): espera-se um aumento de 0,2% Mês/Mês e 0,7% A / A, e o CPI principal deve aumentar 1,1% A / A. Um aumento de inflação da Europa pode ser um sinal bastante positivo para a economia do velho continente indicando, uma reversão deflacionária, e apetite dos consumidores.

Outro dado que pode mexer com as Bolsas Mundiais, com a divulgação de Vendas no varejo dos EUA (outubro), índice Empire State MFG (novembro): previsão de vendas subirem 0,2% Mês/Mês, enquanto o índice de fabricação Empire permanece em 4.

Upside Investor

Artigos Relacionados

Últimos comentários

Adicionar comentário
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Discussão
Escrever uma resposta...
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.

Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos neste site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas neste site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos neste site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.

English (USA) English (UK) English (India) English (Canada) English (Australia) English (South Africa) English (Philippines) English (Nigeria) Deutsch Español (España) Español (México) Français Italiano Nederlands Português (Portugal) Polski Русский Türkçe ‏العربية‏ Ελληνικά Svenska Suomi עברית 日本語 한국어 中文 香港 Bahasa Indonesia Bahasa Melayu ไทย Tiếng Việt हिंदी
Sair
Tem certeza de que deseja sair?
NãoSim
CancelarSim
Salvando Alterações

+