Rali Permanece e Inflação no Brasil Preocupa

Rali Permanece e Inflação no Brasil Preocupa

Jason Vieira  | 25.11.2020 08:01

Uma das características mais facilmente observáveis no IPCA-15 levemente acima das nossas projeções ontem, do IPC da Fipe semanal divulgado hoje (1,09%) e o que se observará no IPC-M esta semana é a persistência das pressões de alimentação, num choque muito mais perene do que concluía uma parte dos analistas e a autoridade monetária.

Reiteramos que um câmbio desvalorizado nos níveis atuais incrementa a atratividade dos ativos comerciais brasileiros ao comprador internacional, em especial a China e agora suscita o retorno, junto a outros mercados emergentes, do investidor estrangeiro ao mercado de renda variável.

Um dos pontos que mais impressiona deste cenário, no entanto, é que fluxos menos intensos no passado, tanto financeiro quanto comercial geraram efeitos muito mais fortes na valorização do Real frente ao dólar do que aquele observado juntos aos atuais eventos.

Ou seja, o Real realmente perdeu tração como moeda, até mesmo num cenário de maior fluxo. Ainda que a valorização recente de 7,5% desde o pico de R$ 5,8 pareça impressionante, estamos literalmente dentro da média dos R$ 5,35 observada desde a estabilização pós-pico de março.

Nestes níveis, o fluxo comercial deve continuar intenso e uma série de choques internacionais de oferta, como estiagens, secas e problemas sanitários devem manter o comprador internacional com o Brasil no alvo.

Somente em novembro a China conseguiu aumentar seus estoques de suínos vivos após o problema viral do ano passado e a demanda por grãos se elevou consideravelmente, exatamente em vista à recuperação de diversas matrizes.

Isto, no entanto, não reduziu a demanda por proteína brasileira pela China, além da demanda por uma série bastante intensa de commodities. Resumindo, a pressão de preços tende a continuar, em especial com a chegada do inverno no hemisfério norte.

Para completar, o petróleo não sai da mesma média de preços desde o auge da crise pandêmica, fazendo com que a defasagem e preços da Petrobras (SA:PETR4) continue e a pressão de preços de combustíveis ceda tão somente pontualmente.

Choques globais de ofertas, câmbio instável, aceleração da demanda por commodities e retomada local dos serviços. Estes são os elementos que insistimos há meses que não perderão força tão cedo.

Haja hiato aberto.

Atenção hoje aos dados de setor externo, custos de construçao e no exterior, agenda pesada nos EUA concentrada no PIB.

VEJA MAIS: Confira a agenda de divulgação de indicadores no Calendário Econômico

ABERTURA DE MERCADOS

A abertura na Europa é negativa e os futuros NY abrem em alta, após mais um dia de recordes em Wall St..

Em Ásia-Pacífico, mercados positivos, exceção a Shanghai.

O dólar opera em queda contra a maioria das divisas centrais, enquanto os Treasuries operam negativos em todos os vencimentos.

Entre as commodities metálicas, altas, exceto o cobre e a platina.

O petróleo abriu em alta em Londres e Nova York, com esperança renovada pela vacina e apesar dos aumentos dos estoques.

O índice VIX de volatilidade abre em alta de 1,20%.

INDICADORES

CÂMBIO

Dólar à vista : R$ 5,375 / -1,09 %

Euro / Dólar : US$ 1,19 / 0,017%

Dólar / Yen : ¥ 104,43 / -0,038%

Libra / Dólar : US$ 1,33 / -0,135%

Dólar Fut. (1 m) : 5381,64 / -1,17 %

JUROS FUTUROS (DI)

DI - Julho 22: 4,36 % aa (1,16%)

DI - Janeiro 23: 5,23 % aa (-0,19%)

DI - Janeiro 25: 7,00 % aa (-0,85%)

DI - Janeiro 27: 7,76 % aa (-0,89%)

BOLSAS DE VALORES

FECHAMENTO

Ibovespa: 2,2420% / 109.786 pontos

Dow Jones: 1,5375% / 30.046 pontos

Nasdaq: 1,3143% / 12.037 pontos

Nikkei: 0,50% / 26.297 pontos

Hang Seng: 0,31% / 26.670 pontos

ASX 200: 0,59% / 6.683 pontos

ABERTURA

DAX: -0,171% / 13269,75 pontos

CAC 40: 0,086% / 5563,19 pontos

FTSE: -0,324% / 6411,34 pontos

Ibov. Fut.: 2,37% / 109955,00 pontos

S&P Fut.: 0,151% / 3638,20 pontos

Nasdaq Fut.: 0,238% / 12108,75 pontos

COMMODITIES

Índice Bloomberg: 0,14% / 74,84 ptos

Petróleo WTI: 0,62% / $45,44

Petróleo Brent: 0,96% / $48,53

Ouro: 0,30% / $1.809,92

Minério de Ferro: 0,40% / ‎¥‎ $123,40

Soja: 0,19% / $1.195,50

Milho: -0,18% / $426,00

Café: -1,14% / $113,15

Açúcar: 0,47% / $15,07

Jason Vieira

Últimos comentários

Adicionar comentário
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Antonio Salviano
Antonio Salviano

Bom dia Jenson Vieira. Bom dia mercado.   ... (Leia Mais)

25.11.2020 11:23 GMT· Responder
Discussão
Escrever uma resposta...
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.

Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos neste site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas neste site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos neste site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.

English (USA) English (UK) English (India) English (Canada) English (Australia) English (South Africa) English (Philippines) English (Nigeria) Deutsch Español (España) Español (México) Français Italiano Nederlands Português (Portugal) Polski Русский Türkçe ‏العربية‏ Ελληνικά Svenska Suomi עברית 日本語 한국어 简体中文 繁體中文 Bahasa Indonesia Bahasa Melayu ไทย Tiếng Việt हिंदी
Sair
Tem certeza de que deseja sair?
NãoSim
CancelarSim
Salvando Alterações

+

Baixe o aplicativo do Investing.com

Receba gratuitamente cotações, gráficos e alertas em tempo real sobre ações, índices, moedas, commodities e títulos. Acesse gratuitamente as melhores análises e previsões técnicas.

Investing.com é melhor no App!

Mais conteúdo, cotações e gráficos mais rápidos e uma experiência melhor estão disponíveis apenas no aplicativo.