Em SP ao lado de Doria, Maia diz que China é importante parceiro estratégico do Brasil

Em SP ao lado de Doria, Maia diz que China é importante parceiro estratégico do Brasil

Reuters  | 23.10.2020 18:10

Em SP ao lado de Doria, Maia diz que China é importante parceiro estratégico do Brasil

Por Eduardo Simões

SÃO PAULO (Reuters) - O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse durante visita a São Paulo ao lado do governador do Estado, João Doria (PSDB), que a China é um importante parceiro estratégico do Brasil, lembrando que a bancada parlamentar do agronegócio, setor que é grande exportador para o país asiático, tem boas relações com os chineses.

As declarações de Maia acontecem ao final de uma semana de duro embate público entre Doria e o presidente Jair Bolsonaro, que desautorizou o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, na quarta-feira, ao revogar decisão dele de incluir a vacina contra Covid-19 da chinesa Sinovac (O:SVA), que está sendo testada e será produzida no Brasil pelo Instituto Butantan, do governo de São Paulo, no Programa Nacional de Imunização da pasta.

Bolsonaro também disse que o governo federal não irá comprar doses do imunizante pois, segundo o presidente, ele não gera confiança na população "pela sua origem". O presidente disse ainda que o país asiático, que é o maior parceiro comercial do Brasil, tem descrédito junto aos brasileiros.

"A China é um parceiro fundamental do nosso país", disse Maia nesta sexta, em entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes ao lado de Doria, a quem chamou de "aliado e amigo".

"Eu entendo que nessa questão das relações internacionais, o importante é que a gente aproveite nas relações com os outros países aquilo que melhor interessa ao nosso país", acrescentou.

"Sem dúvida nenhuma, a China, como os Estados Unidos, são parceiros estratégicos. Respeitando a posição de cada um, eu entendo que a relação e a parceria com a China é muito importante para o Brasil em várias áreas, começando pelo agronegócio, que tem uma bancada enorme no Congresso Nacional, na Câmara dos Deputados principalmente, e que certamente tem uma ótima relação com a China", afirmou.

Maia, que se colocou à disposição de Doria para dialogar com o governo federal para ajudar a encontrar uma solução para o que chamou de "entrevero" envolvendo a vacina da Sinovac, se esquivou de comentar diretamente as declarações de Bolsonaro sobre a China.

"Eu ficar aqui criticando ou elogiando o presidente da República não vai resolver o nosso problema", disse o deputado quando indagado sobre as declarações de Bolsonaro a respeito da China.

De acordo com dados do Ministério da Economia, de janeiro a setembro deste ano, o Brasil exportou mais de 53 bilhões de dólares à China, aumento de 14% na comparação com o mesmo período de 2019. O saldo comercial do país com os chineses foi superavitário em 28,8 bilhões de dólares.

© Reuters. .

Em comparação, os Estados Unidos, segundo maior parceiro comercial do Brasil, receberam 15 bilhões de dólares de exportações brasileiras nos primeiros nove meses do ano e, no mesmo período, o Brasil registrou déficit comercial com os norte-americanos de 3,1 bilhões de dólares.

O governo Bolsonaro tem defendido e buscado um alinhamento e uma aproximação cada vez maiores com os EUA e o presidente brasileiro já se declarou por diversas vezes um admirador de seu homólogo norte-americano, Donald Trump.

Ainda na controvérsia envolvendo a China, em um momento em que o governo Bolsonaro ainda não decidiu sobre a participação da chinesa Huawei na futura infraestrutura de telecomunicações 5G no Brasil, em meio a pressões dos Estados Unidos para que a companhia seja barrada, Maia também defendeu na coletiva em São Paulo que o Brasil deve abrir o mercado de 5G para todos.

Últimos comentários

Adicionar comentário
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
danillo alves
danillo alves

Esse porco chileno disse o que !!!  ... (Leia Mais)

26.10.2020 10:23 GMT· Responder
Renato Degani
Renato Degani

a Europa aceita essa vacina ? ou ela e somente para o dito 3 mundo   ... (Leia Mais)

25.10.2020 12:09 GMT· Responder
JulianaKatz Lang
JulianaKatz Lang

Os insumos para a vacina de Oxford também vem da China. Para quem acha que a vacina tem nacionalidade   ... (Leia Mais)

24.10.2020 18:52 GMT· Responder
JulianaKatz Lang
JulianaKatz Lang

A coronavac só será aplicada no Brasil se a Anvisa aprovar o registro. A China também aguarda isso para liberar o uso.  ... (Leia Mais)

24.10.2020 18:51 GMT· Responder
JulianaKatz Lang
JulianaKatz Lang

90% dos medicamentos genéricos vem da China e Índia. Então, se tu não confia na China comece jogando fora seus genéricos   ... (Leia Mais)

24.10.2020 18:50 GMT· Responder
JulianaKatz Lang
JulianaKatz Lang

Anvisa aprovou importação de 6 milhões de doses da Coronavac  ... (Leia Mais)

24.10.2020 18:48 GMT· Responder
André Teixeira
André Teixeira

depois que a China vacinar toda sua população, quem sabe o Brasil compre. fora isso pra mim é só especulação e falta de compromisso com a nossa saúde. tudo para se promoverem politicamente, vergonha.  ... (Leia Mais)

24.10.2020 08:36 GMT· Responder
Cícero RP
Cícero RP

A segunda onda chegou na Europa com centenas de mortes todos os dias. Se a vaCHINA tivesse credibilidade de eficiência esses países europeus estariam fazendo fila pra comprar ela. Onde estão as devidas comprovações científicas e estágios obedecidos (q podem levar anos e a Anvisa sabe disso!). Mesmo na China a vacina ainda não foi liberada pra uso em massa. E aqui o Ditadoria extremista terrorista quer vacinar o povão antes mesmo da própria China!... patético! que ele e seus amigos do legislativo e stf tomem primeiro!  ... (Leia Mais)

24.10.2020 01:52 GMT· 1 · Responder
Donizete Bocucci
Donizete Bocucci

Doria e maia sempre agindo em desfavor ao Brasil!imaginem quanto eles vão ganhar de propina nessa brincadeira...   ... (Leia Mais)

23.10.2020 23:06 GMT· 7 · Responder
Edson Barbosa
Edson Barbosa

é o Presidente ..após eleição o chicote estrala..quem é chefe das FFAS e STM ??QUEM TEM CANETA NA MÃO P SÓ DA ORDEM P FECHAR O QUE BEM ENTENDER..SE MADURO FECHOU O CONGRESSO SENDO EXÉRCITO PEQUENO IMAGINA BOLSONARO QUE TEM ATÉ O POVÃO AO LADO DELE...  ... (Leia Mais)

23.10.2020 22:44 GMT· Responder
Edson Barbosa
Edson Barbosa

é o Presidente ..após eleição o chicote estrala..quem é chefe das FFAS e STM ??QUEM TEM CANETA NA MÃO P SÓ DA ORDEM P FECHAR O QUE BEM ENTENDER..SE MADURO FECHOU O CONGRESSO SENDO EXÉRCITO PEQUENO IMAGINA BOLSONARO QUE TEM ATÉ O POVÃO AO LADO DELE...KKKK  ... (Leia Mais)

23.10.2020 22:44 GMT· 2 · Responder
Erwin Alves
Erwin Alves

O STF é quem vai decidir essa questão e pronto!  ... (Leia Mais)

23.10.2020 22:12 GMT· Responder
Rodrigo Leite
Rodrigo Leite

So digo se fosse o pt estaria fechado ainda e a malandragem estariam tudo feliz hehe sem mimi vejam rio grande do sul ta fechado ainda   ... (Leia Mais)

23.10.2020 22:06 GMT· Responder
Ricardo P Silveira
Ricardo P Silveira

Tudo resolvido! Cancela logo essa vacina chinesa e manda trazer um lote da vacina "soviética", já que  os eleitores do soldado não reclamam do Putin.  ... (Leia Mais)

23.10.2020 21:44 GMT· Responder
Gutemberg Carvalho
Gutemberg Carvalho

Só os débeis xiitas ainda se apegam a discursos ufanistas.  ... (Leia Mais)

23.10.2020 21:26 GMT· Responder
Geraldo Junior
Geraldo Junior

A China pode ser um importante parceiro comercial, mas nem por isso tem o direito de impor ao Brasil a sua vacina. Se fosse outro governo até aceitaria, mas o atual não irá se intimidar com isso.  ... (Leia Mais)

23.10.2020 21:13 GMT· 7 · Responder
Discussão
Escrever uma resposta...
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.

Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos neste site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas neste site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos neste site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.

English (USA) English (UK) English (India) English (Canada) English (Australia) English (South Africa) English (Philippines) English (Nigeria) Deutsch Español (España) Español (México) Français Italiano Nederlands Português (Portugal) Polski Русский Türkçe ‏العربية‏ Ελληνικά Svenska Suomi עברית 日本語 한국어 简体中文 繁體中文 Bahasa Indonesia Bahasa Melayu ไทย Tiếng Việt हिंदी
Sair
Tem certeza de que deseja sair?
NãoSim
CancelarSim
Salvando Alterações

+

Baixe o aplicativo do Investing.com

Receba gratuitamente cotações, gráficos e alertas em tempo real sobre ações, índices, moedas, commodities e títulos. Acesse gratuitamente as melhores análises e previsões técnicas.

Investing.com é melhor no App!

Mais conteúdo, cotações e gráficos mais rápidos e uma experiência melhor estão disponíveis apenas no aplicativo.

';