Unidades da BRF e Marfrig recebem aprovação da China para retomar exportações

Unidades da BRF e Marfrig recebem aprovação da China para retomar exportações

Reuters  | 23.10.2020 20:10

Unidades da BRF e Marfrig recebem aprovação da China para retomar exportações

Por Nayara Figueiredo

SÃO PAULO (Reuters) - As companhias de alimentos BRF (SA:BRFS3) e Marfrig Global Foods receberam (SA:MRFG3) nesta sexta-feira a aprovação da China para retomar as exportações de carnes das unidades de Dourados (MS) e Várzea Grande (MT), respectivamente, que haviam sido suspensas em meio a preocupações sobre a pandemia da Covid-19, disseram as empresas.

A autorização, que se deu após inspeções realizadas pelas autoridades chinesas, foi publicada no site da Administração Geral das Alfândegas da China (GACC, na sigla em inglês), informou o Ministério da Agricultura em comunicado à Reuters, citando que duas plantas brasileiras haviam sido autorizadas.

"A liberação para a retomada de exportações para o país asiático, mercado estratégico para a BRF, reforça o compromisso da companhia com a qualidade de seus produtos e com a saúde segurança dos seus colaboradores", afirmou em nota o CEO da empresa, Lorival Luz.

Os embarques de frango da unidade da BRF, a maior exportadora da proteína no mundo, foram suspensos em julho e estão previstos para acontecer nos próximos dias, segundo a companhia.

A Marfrig confirmou por meio da assessoria de imprensa que poderá voltar a enviar carne bovina à China de sua planta localizada em Várzea Grande, cujas exportações foram proibidas em junho.

Algumas unidades de companhias do setor foram suspensas pelos chineses após surtos de coronavírus entre funcionários. No entanto, não há nenhuma confirmação científica de que a doença possa ser transmitida por alimentos.

A planta de Lajeado (RS) da BRF segue impedida de embarcar ao mercado chinês, assim como as unidades de Três Passos e Passo Fundo da JBS (SA:JBSS3), no Rio Grande do Sul.

Assim que a proibição foi anunciada, em julho, a BRF afirmou que atuaria junto às autoridades brasileiras e chinesas para reversão da suspensão no menor prazo possível.

Procurado, o Ministério da Agricultura afirmou que, antes da atualização da lista de estabelecimentos habilitados para exportação que consta no site da GACC, houve auditoria por videoconferência e apresentação de documentos, conduzidas pelas equipes do Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Animal e do Serviço de Inspeção Federal (SIF).

"As autoridades chinesas concluíram que as medidas adotadas pelo Ministério da Agricultura e pelos estabelecimentos foram satisfatórias e adequadas para o atendimento às exigências chinesas", afirmou a pasta em nota.

Atualmente, a BRF possui 15 unidades habilitadas para exportar para a China, sendo 10 de aves, 4 de suínos e 1 de miúdos de suínos.

© Reuters. Processamento de carne bovina em frigorífico da Marfrig

Já a Marfrig conta com 13 unidades habilitadas a exportar para a China na América do Sul.

(Reportagem adicional de Ana Mano)

Relacionadas

Últimos comentários

Adicionar comentário
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
JulianaKatz Lang
JulianaKatz Lang

Cérebro plano é assim: quando a notícia não agrada diz que está enviesada.  ... (Leia Mais)

25.10.2020 12:06 GMT· Responder
Vitor Santisteban
Vitor Santisteban

SERIO ? KKKK ELES ESTÃO DESESPERADOS POR COMIDA ESTA REUTERS É MUITO INVIESADA   ... (Leia Mais)

24.10.2020 22:24 GMT· 2 · Responder
JulianaKatz Lang
JulianaKatz Lang

Aí se vê quem de fato depende de quem  ... (Leia Mais)

24.10.2020 10:03 GMT· Responder
Jorge Hallyson
Jorge Hallyson

Olha essa China mds 🤦🏻‍♂️  ... (Leia Mais)

24.10.2020 08:24 GMT· Responder
Simone Sahione
Simone Sahione

🙏  ... (Leia Mais)

24.10.2020 02:46 GMT· Responder
Discussão
Escrever uma resposta...
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.

Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos neste site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas neste site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos neste site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.

English (USA) English (UK) English (India) English (Canada) English (Australia) English (South Africa) English (Philippines) English (Nigeria) Deutsch Español (España) Español (México) Français Italiano Nederlands Português (Portugal) Polski Русский Türkçe ‏العربية‏ Ελληνικά Svenska Suomi עברית 日本語 한국어 简体中文 繁體中文 Bahasa Indonesia Bahasa Melayu ไทย Tiếng Việt हिंदी
Sair
Tem certeza de que deseja sair?
NãoSim
CancelarSim
Salvando Alterações

+

Baixe o aplicativo do Investing.com

Receba gratuitamente cotações, gráficos e alertas em tempo real sobre ações, índices, moedas, commodities e títulos. Acesse gratuitamente as melhores análises e previsões técnicas.

Investing.com é melhor no App!

Mais conteúdo, cotações e gráficos mais rápidos e uma experiência melhor estão disponíveis apenas no aplicativo.

';