Israel e Sudão firmam acordo de normalização de laços mediado pelos EUA

Israel e Sudão firmam acordo de normalização de laços mediado pelos EUA

Reuters  | 23.10.2020 19:15

Israel e Sudão firmam acordo de normalização de laços mediado pelos EUA

Por Matt Spetalnick e Steve Holland

WASHINGTON (Reuters) - Israel e Sudão concordaram nesta sexta-feira em adotar medidas para normalizar as relações, em um acordo mediado com a ajuda dos Estados Unidos, que faz do país africano o terceiro governo árabe a descartar as hostilidades com Israel nos últimos dois meses.

O presidente dos EUA, Donald Trump, que buscará a reeleição em 3 de novembro, selou o acordo em um telefonema com o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, o premiê sudanês, Abdalla Hamdok, e o chefe do Conselho de Transição, Abdel Fattah al-Burhan, disseram autoridades norte-americanas de alto escalão.

A decisão tomada por Trump no início desta semana de retirar o Sudão de uma lista de patrocinadores estatais do terrorismo abriu caminho para o acordo com Israel, assinalando uma conquista de política externa para o presidente republicano no momento em que ele pleiteia um segundo mandato, mas aparece atrás do rival democrata Joe Biden em pesquisas de opinião.

Netanyahu saudou o acordo como uma "nova era" para a região, mas a liderança palestina, classificou o pacto como "uma nova facada nas costas", à medida que irmãos árabes aparentam conceder menos prioridade à sua busca por um Estado.

"Os líderes concordaram com a normalização das relações entre Sudão e Israel e em encerrar o estado de beligerância entre suas nações", informou um comunicado conjunto emitido pelos três países.

© Reuters. Presidente dos EUA, Donald Trump, durante telefonema com líderes de Israel e Sudão em Washington

Israel e Sudão planejam iniciar a nova fase com relações econômicas e comerciais, com um foco inicial na agricultura, disse o comunicado conjunto. Uma autoridade graduada dos EUA, que falou sob anonimato, disse que questões como o estabelecimento formal de laços diplomáticos serão resolvidas mais tarde.

Nas últimas semanas, Emirados Árabes Unidos e Barein também normalizaram seu relacionamento com Israel.

"O acordo sobre a normalização com Israel será decidido após a conclusão das instituições constitucionais por meio da formação do conselho legislativo", disse o ministro das Relações Exteriores do Sudão, Omar Gamareldin, à televisão estatal, logo após o anúncio desta sexta-feira.

Relacionadas

Últimos comentários

Adicionar comentário
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Discussão
Escrever uma resposta...
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.

Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos neste site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas neste site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos neste site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.

English (USA) English (UK) English (India) English (Canada) English (Australia) English (South Africa) English (Philippines) English (Nigeria) Deutsch Español (España) Español (México) Français Italiano Nederlands Português (Portugal) Polski Русский Türkçe ‏العربية‏ Ελληνικά Svenska Suomi עברית 日本語 한국어 简体中文 繁體中文 Bahasa Indonesia Bahasa Melayu ไทย Tiếng Việt हिंदी
Sair
Tem certeza de que deseja sair?
NãoSim
CancelarSim
Salvando Alterações

+

Baixe o aplicativo do Investing.com

Receba gratuitamente cotações, gráficos e alertas em tempo real sobre ações, índices, moedas, commodities e títulos. Acesse gratuitamente as melhores análises e previsões técnicas.

Investing.com é melhor no App!

Mais conteúdo, cotações e gráficos mais rápidos e uma experiência melhor estão disponíveis apenas no aplicativo.

';